Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação radiográfica da efetividade de compressão interfragmentária em fêmures de gatos (ex-vivo) com o uso de haste intramedular bloqueada associada a dispositivo de compressão interfragmentária (patente BR 10 2018 016021 4) por meio de MINO

Processo: 21/03430-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 31 de março de 2023
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Luis Gustavo Gosuen Gonçalves Dias
Beneficiário:Matheus Nobile
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Felidae   Fêmur   Fixação interna de fraturas   Traumatologia

Resumo

O presente estudo tem como objetivo avaliar radiograficamente a efetividade da compressão interfragmentária em fêmures de gatos (ex-vivo) com o uso de haste intramedular bloqueada associada a dispositivo de compressão interfragmentária (patente BR 10 2018 016021 4) por meio de osteossíntese minimamente invasiva (MINO). Para tal, utilizar-se-á cadáveres de gatos adultos (n=16), dos quais um espécime (n=1) será direcionado ao ensaio "piloto", enquanto os restantes (n=15), serão direcionados aos ensaios definitivos. Todos os cadáveres (fêmures direitos e esquerdos) serão avaliados por meio de imagens radiográficas, como forma de identificar alterações anatômicas passíveis de exclusão e para mensuração do eixo anatômico femoral, ângulos anatômicos laterais proximais e distais e o ângulo de anteversão, bilateralmente, previamente ao procedimento cirúrgico. Os animais serão aleatoriamente sorteados em três grupos, com 5 espécimes cada (10 fêmures por grupo) e submetidos à osteotomias transversas (acesso pela face medial da coxa): G1-DP (osteotomia na diáfise femoral proximal de ambos os fêmures); G2-DM (osteotomia diafisária femoral média) e G3-DD (osteotomia femoral diafisária distal). Ato contínuo, os 30 fêmures serão novamente radiografados. Após o planejamento cirúrgico prévio, a haste intramedular bloqueada de ângulo estável (HIB-AE) associada ao Dispositivo 3 (BR 10 2018 016021 4) será alocada no fêmur pela técnica de MINO (minimally invasive nail osteosynthesis) e a compressão interfragmentária será executada, juntamente com os bloqueios da haste. Posteriormente à implantação das hastes em todos os cadáveres felinos (n=30 fêmures), serão realizadas novas radiografias para avaliar a aposição óssea, a efetividade da compressão interfragmentária, o alinhamento alcançado, a disposição dos implantes colocados e comparar estatisticamente os resultados finais dos eixos anatômicos e dos ângulos obtidos, comparados às radiografias prévias à implantação das hastes. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)