Busca avançada
Ano de início
Entree

Aspectos funcionais e Avaliação econômica de saúde da gestão de casos em um programa de prevenção de quedas para idosos caidores da comunidade: estudo clínico controlado randomizado.

Processo: 21/08193-9
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Karina Gramani Say
Beneficiário:Maria Juana Beatriz Lima Candanedo
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/01372-5 - Aspectos funcionais e avaliação econômica de saúde da gestão de casos em um programa de prevenção de quedas para idosos caidores da comunidade: estudo clínico controlado randomizado, AP.R
Assunto(s):Envelhecimento   Gestão de riscos   Idosos   Geriatria
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Acidente por quedas | Envelhecimento | Gestão de riscos | idoso | Gerontologia

Resumo

As quedas na terceira idade são consideradas problemas de saúde pública, sendo uma das principais causas de morbidade e mortalidade nessa população, trazendo prejuízos sociais e financeiros nas redes de saúde. Sendo assim, é necessário a diminuição dos fatores de risco de quedas, afim de promovendo uma diminuição nos índices de quedas em idosos. Por se tratar de fatores de riscos que possuem características multifatoriais, ou seja, diversos fatores de risco podem estar envolvidos em um único evento é essencial a inclusão de diferentes tipos de intervenções nos programas preventivos, como a gestão de casos em idosos caidores, baseada em uma intervenção individualizada baseada nos fatores de risco de quedas identificados em cada idoso. Logo, é importante avaliar o impacto econômico e os aspectos funcionais dos programas de intervenções de prevenção de quedas com gestão de casos afim de contribuir para diminuição das ocorrências de quedas. Objetivo: Verificar os efeitos de um programa de prevenção de quedas com intervenção de gestão de casos sobre os fatores de risco multifatoriais e seu impacto nos aspectos econômicos e funcionais. Método: Trata-se de um ensaio clínico controlado randomizado, unicêntrico, grupo paralelo com idosos que possuem histórico de pelo menos duas quedas no último ano. Esses serão distribuídos em Grupo Intervenção e Grupo Controle. O Grupo Intervenção será submetido a uma gestão de casos para idosos caidores com uma avaliação multidimensional, identificação dos fatores de risco, elaboração de um plano de intervenção individualizado juntamente com o idoso, sendo avaliados inicialmente, após 16 semanas de intervenção, após 6 semanas do fim das intervenções e após 1 ano de seguimento. O grupo Controle apenas será incentivado a continuar suas atividades de vida diária e serão monitorados mensalmente quanto á sua saúde em geral. E em relação aos aspectos econômicos em saúde a avaliação ocorrerá após 1 ano de seguimento. Para as análises estatísticas, será adotado um nível de significância de ± = 0,05 e para execução dos testes estatísticos será utilizado o software SPSS (22.0) e será realizada por intenção de tratamento. Resultados esperados: Espera-se que os participantes do Grupo Intervenção apresentem resultados positivos na diminuição dos fatores de risco, melhora nos aspectos funcionais e viabilidade econômica favoráveis.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)