Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação de genes diferencialmente expressos ligados ao desenvolvimento das fibras musculares durante o período de desmama precoce em bezerros Nelore

Processo: 21/03570-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2021
Vigência (Término): 30 de junho de 2022
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
Pesquisador responsável:Guilherme Luis Pereira
Beneficiário:Jordana Luiza Caixeta
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Metabolismo   Análise de sequência de RNA   Transcriptoma

Resumo

A raça zebuína nelore, começou a ser disseminada no Brasil na primeira metade do século XX, período em que houve a importação mais expressiva de exemplares indianos. No início da década de 2000, a raça já representava cerca de 80% do rebanho de bovinos de corte nacional. A vantagem de raças zebuínas, como o Nelore, está em sua capacidade de adaptação ao clima tropical. Na segunda metade do século XX, bem-sucedidos programas nacionais de melhoramento genético passaram a selecionar animais com melhores características produtivas e reprodutivas, como ganho de peso e perímetro escrotal, entre outras de fácil mensuração. Nos últimos anos, juntamente com a utilização de ferramentas genômicas e técnicas mais acuradas de avaliação de fenótipos, tem-se visto a implementação do melhoramento de características relacionadas à precocidade produtiva e reprodutiva, bem como, da qualidade das carcaças e de cortes. Além disso, diversos manejos e protocolos nutricionais passaram a ser testados e aplicados em bovinos Nelore em diferentes fases de crescimento. Tais manejos visam, também, de forma direta ou indireta, alterar características relacionadas a qualidade da carne. Dentre alguns desses manejos, a desmama precoce, que consiste na desmama de bezerros entre 60 e 120 dias de idade, tem auxiliado na melhoria da eficiência reprodutiva de fêmeas e, em raças taurinas, estudos tem revelado alterações no metabolismo dos bezerros desmamados precocemente, quanto a deposição de gordura e proporção do tipo de fibras musculares. Tais alterações ocorrem devido ao imprinting metabólico, que pode alterar o modo como o tecido muscular se desenvolve e como os lipídeos se depositam durante esta fase. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho será a identificar a expressão de genes relacionados ao metabolismo da fibra muscular em bezerros Nelore em dois momentos no tempo, antes (120 dias) e após (210 dias) o manejo de desmama precoce. Para isso, serão realizadas biópsias do tecido muscular esquelético longissimus thoracis aos 120 dias e aos 210 dias de idade de um mesmo grupo de 10 bezerros da raça Nelore submetidos a desmama precoce. Estes animais permanecerão junto às vacas em pastejo até o momento em que serão desmamados (120 dias) e realocados em um piquete com oferta de concentrado até o final do período de cria (210 dias). O método RNA-seq será utilizado para ao sequenciamento do RNA mensageiro total. Após, será realizado o alinhamento das sequências obtidas (reads) ao genoma referência e, por fim, os genes diferencialmente expressos serão detectados por meio do pacote edgeR do programa R e os resultados serão filtrados quanto a função gênica e participação de via metabólicas concernentes ao metabolismo das fibras musculares esqueléticas. Os resultados deste trabalho, inédito para raça Nelore, trará informações importantes sobre adaptações no metabolismo muscular em bezerro submetidos a diferentes dietas nos pós-parto.Palavra Chave : Metabolismo, RNA-Seq, Transcriptoma, Vias metabólicas

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)