Busca avançada
Ano de início
Entree

Blocklog: transformação digital para a logística usando blockchain biométrico

Processo: 21/01852-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Transportes - Operações de Transportes
Pesquisador responsável:Selma Setsumi Isa
Beneficiário:Selma Setsumi Isa
Empresa:Innovation Technology Ltda
CNAE: Desenvolvimento de programas de computador sob encomenda
Desenvolvimento e licenciamento de programas de computador customizáveis
Consultoria em tecnologia da informação
Vinculado ao auxílio:19/27131-4 - Blocklog - transformação digital para a logística usando blockchain biométrico, AP.PIPE
Assunto(s):Frete   Empresas de transportes   Biometria   Transformação digital   Blockchain

Resumo

O transporte rodoviário de carga no Brasil representa 4,5% do PIB, sendo um componente fundamental para girar a economia. Transportadores autônomos (Autônomos) são parte representativa deste setor. Atualmente, são mais de 545 mil Autônomos devidamente registrados na Associação Nacional de Transportes Terrestres contra 155 mil empresas transportadoras (Transportadoras). Porém por questões de confiabilidade, segurança e governança, muitas empresas (Embarcadores) contratam Transportadoras que, para reduzir custos e otimizar rotas, subcontratam autônomos para realizarem parte dos serviços. Apesar da alta representatividade da atividade de transporte no custo dos produtos, em torno de 12,37% do faturamento bruto, mais da metade dos Autônomos apontam a baixa remuneração como uma ameaça para a profissão, onde o preço praticado pode chegar a 35% abaixo do praticado pelas Transportadoras. A complexidade para Autônomos envolve, além de contratação e pagamento do frete, um grande fluxos de mercadorias, dinheiro, informações e responsabilidades, além de transações relacionadas à confirmação das entregas e a resolução de conflitos de entregas erradas, dentre outras. Atualmente, existem plataformas de fretes no mercado (Marketplaces) que intermedeiam as negociações ou centralizam demanda e oferta, sendo que Autônomos se associam a elas com o objetivo de aumentar a visibilidade e a carteira de clientes. Porém, estas plataformas desconsideram diversas oportunidades tecnológicas para simplificar e aumentar a confiabilidade e rastreabilidade no processo. Dentre essas oportunidades, identificamos o uso inovativo das tecnologias Blockchain com a Biometria Digital (Blockchain Biométrico). Com o Blockchain Biométrico, poderemos conectar diretamente os Autônomos com os Embarcadores, eliminando intermediários nas operações cobrando taxas por seus serviços, além de melhorar a gestão de fretes e calcular e controlar os pagamentos de forma inteligente e automática, através do uso dos processos de Smart Contract (contratos inteligentes) que o cumprimento efetivo das regras pré-estabelecidas entre as partes. Adicionalmente, o Blockchain Biométrico garante o controle da identidade digital na manipulação da carga, aumentando a rastreabilidade e confiabilidade pois controla a cadeia de custódia da carga, através da geração dos recibos biométricos, que ficam armazenados na cadeia de blocos, de maneira incorruptível, para todas as etapas do processo, até a geração da prova de entrega. Esta proposta aumenta a segurança e transparência, e fortalece o relacionamento entre Embarcadores, Autônomos e Clientes. O conhecimento do mercado e das dificuldades dos Autônomos associados a uma revisão bibliográfica foram a base de estruturação da proposta de pesquisa. Para o desenvolvimento da Plataforma Blocklog, será utilizada uma combinação de Living Lab com a metodologia ágil de desenvolvimento de software (Scrum) com o objetivo de desenvolver, ainda na fase 1, o MPV (Produto Mínimo Viável). Desta forma, será possível identificar, num curto espaço de tempo, os desafios para o desenvolvimento do Plataforma completa e validar o conceito proposto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)