Busca avançada
Ano de início
Entree

O uso do sistema de avaliação por performance no Rorschach (R-PAS) na avaliação da depressão

Processo: 20/08602-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 31 de março de 2024
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Anna Elisa de Villemor-Amaral
Beneficiário:Mayara Salgado de Moraes
Instituição Sede: Universidade São Francisco (USF). Campus Campinas. Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Avaliação psicológica   Psicometria   Teste de Rorschach   Psicopatologia   Depressão
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Avaliação psicológica | Psicometria | psicopatologia depressiva | testes de desempenho típico | Avaliação Psicológica

Resumo

O Teste de Rorschach tem sido um dos instrumentos psicológicos mais utilizados em âmbito nacional e internacional e possui componentes avaliativos que auxiliam diagnósticos de transtornos mentais. Dado o cenário atual em que é crescente o número de indivíduos em sofrimento psíquico, sobretudo que apresentam condições clínicas relacionados a transtornos depressivos, compreende-se que instrumentos com uma capacidade de avaliação não apenas sintomática, mas que podem captar aspectos do desempenho típico dos pacientes como o Teste de Rorschach, são importantes elementos importantes para aplicabilidade da avaliação psicológica. Para acompanhar o avanço da ciência psicológica, são necessários estudos constantes replicando evidências de validade dos testes e verificando novos potenciais interpretativos. Este projeto tem por objetivo investigar a contribuição do Teste de Rorschach na avaliação da depressão, em dois estudos. O primeiro compreenderá uma revisão sistemática da literatura e possível metanálise sobre indicadores do Rorschach relacionados aos transtornos depressivos. Partindo dos padrões de aplicação e codificação do Sistema de Avaliação por Performance (R-PAS), o segundo estudo objetivará investigar em amostra clínica e não clínica as evidências de validade das variáveis resultantes da etapa 1. Com isso, pretende-se adicionar dados relevantes ao R-PAS para ampliação do seu potencial interpretativo sobre características depressivas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)