Busca avançada
Ano de início
Entree

Estabelecimento de um método de validação em tempo real do Fecal Standing Crop em estimativas de cervídeos florestais com o uso de cães farejadores

Processo: 20/13482-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2021
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:José Maurício Barbanti Duarte
Beneficiário:Rubia Ferreira dos Santos Morini
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Manejo   Conservação de espécies   Mazama   Veado-catingueiro   Modelos biológicos   Projeção populacional   Modelo experimental   Estudos de validação

Resumo

Estimativas populacionais são informações fundamentais para os planos de conservação das espécies. O método Fecal Standing Crop (FSC) considera a quantidade de amostras fecais depositadas em uma faixa de detecção para estimar o tamanho populacional, sendo principalmente utilizado para espécies crípticas e elusivas. Contudo, uma dificuldade intrínseca nessa metodologia é o encontro das amostras fecais na natureza, que está intimamente ligada à sua degradação em distintas condições ambientais (vegetação e clima) e ao sucesso de encontro das amostras. O uso de cães farejadores tem se mostrado eficiente para o encontro de fezes de cervídeos florestais, aumentando significativamente a taxa de encontro, mas insere outras variáveis na estimativa que devem ser corrigidas para reduzir os vieses deste método. Utilizando o veado-catingueiro (Mazama gouazoubira) como modelo biológico, nós objetivamos validar o modelo FSC, propondo um método experimental em campo para correção das taxas de encontro e remoção das fezes. Em um ambiente de cerrado, na Estação Ecológica de Santa Bárbara, São Paulo, 10 amostras fecais da espécie serão depositadas semanalmente ao longo de três meses em duas condições (fases) ambientais extremas, chuvosa e seca. Após a última deposição de fezes de cada fase será feita a busca das amostras fecais com o auxílio de um cão farejador, sendo calculados os parâmetros do modelo FSC associados ao sucesso de encontro de amostras fecais em relação à faixa de detecção e à idade das amostras encontradas. Em ato continuo, estes parâmetros serão utilizados em uma estimativa real, pela avaliação de sete transectos na mesma área. Os transectos serão somados e a densidade de cada fase será calculada para obtenção da estimativa de toda a população de veado-catingueiro na Estação Ecológica de santa Bárbara. Partindo-se da premissa que a população não se altera entre as estações do ano, compararemos as estimativas obtidas nas duas fases observando se a diferença é estatisticamente e biologicamente significativa ao ponto de influenciar políticas de conservação e manejo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)