Busca avançada
Ano de início
Entree

O trabalho social espírita e a política nacional de assistência social: uma análise crítica da literatura

Processo: 20/07752-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2021
Vigência (Término): 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:Sílvio José Benelli
Beneficiário:Esther Vanni Lopes
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Espiritismo   Terceiro setor   Assistência social   Centros espíritas   Pesquisa bibliográfica   Análise institucional   Análise crítica do discurso

Resumo

O Espiritismo é conhecido pelos inúmeros trabalhos assistenciais realizados por todo país, por meio de suas entidades assistenciais espíritas. Trata-se de um conjunto de organizações da sociedade civil de natureza religiosa, que fazem prestação de serviços caritativos e assistenciais configurando parte do campo do chamado Terceiro Setor, integrando a rede socioassistencial privada que compõe o Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Nosso objetivo com essa investigação consiste em produzir uma análise crítica do discurso que compõe e sustenta as práticas assistenciais espíritas e seus efeitos éticos, no âmbito do Terceiro Setor, à luz da Política Nacional de Assistência Social (PNAS). Utilizaremos a abordagem teórico-conceitual da Análise Institucional (AI), por meio de uma revisão da literatura pertinente sobre tais temas, incluindo documentos e bibliografia. O levantamento da literatura incluirá material sobre a assistência social espírita, o campo de Terceiro Setor e a Política Nacional de Assistência Social, com destaque para as recentes regulamentações que as ONGS precisam conhecer, para prestar serviços sócio-assistenciais e compor a rede de Proteção Social nos territórios. Para realizamos esta investigação, utilizaremos a modalidade da AI de papel que consiste em uma revisão da literatura, por meio da análise crítica de documentos e de bibliografia impressos e/ou disponíveis na internet, procurando captar o discurso que sustenta o trabalho social espírita, situado no âmbito do Terceiro Setor, à luz da PNAS. Verificamos que existem poucas pesquisas e publicações em Psicologia que apresentam uma análise crítica e acurada acerca do discurso que compõe o trabalho de assistência e promoção social espírita e seus efeitos éticos na sociedade brasileira. Isso indicaria a relevância acadêmica dessa investigação. A relevância social da pesquisa pode ser considerada a partir da consideração do expressivo número das organizações nacionais, estaduais e regionais espíritas existentes, que, por meio de Centros Espíritas, desenvolvem um trabalho social com uma parcela significativa da população pobre brasileira.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)