Busca avançada
Ano de início
Entree

A telemedicina como ferramenta para seguimento clínico da asma durante a pandemia do Coronavírus e gestão de dados via plataforma RED-Cap

Processo: 20/10600-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2020
Vigência (Término): 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Adyléia Aparecida Dalbo Contrera Toro
Beneficiário:Victoria Luiza Alves de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Pneumologia   Telemedicina   Pandemias   SARS-CoV-2   Asma   Crianças e adolescentes   Diagnóstico clínico   Dados clínicos   Estudos de coortes   Estudo comparativo

Resumo

A nova realidade imposta pela pandemia do coronavírus implica na reinvenção de formas de se fazer pesquisa científica e de seguimento de doenças crônicas. Dentre as doenças crônicas na faixa etária pediátrica, a asma se destaca. Com uma prevalência em torno de 20% em pediatria, causando um importante impacto individual e coletivo, o seguimento regular se torna base fundamental do tratamento. Nesse contexto, implantaremos a telemedicina para avaliação de coorte de crianças e adolescentes com asma grave durante a pandemia utilizando a plataforma Red-Cap como uma ferramenta para armazenamento dos dados. O objetivo deste trabalho será a implantação da telemedicina e a programação da plataforma Red-Cap para gerenciamento e coleta de dados e comparar os dados clínicos obtidos por meio de Telemedicina com os dados de consultas presenciais anteriores à pandemia. Método: Criação de base de dados na plataforma REDCap, vinculada a Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP. Inserção de dados de pacientes com diagnósticos prévios de asma, que fazem seguimento em ambulatório de pneumologia pediátrica no Centro Integrado de Pesquisa da Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP. Comparação de dados clínicos obtidos por meio de telemedicina após 3, 6 e 9 meses em relação a adesão ao tratamento, o controle da asma e a qualidade de vida do paciente comparando com os dados obtidos em consultas presenciais. Resultados esperados: Viabilizar o seguimento clínico por meio de telemedicina de uma coorte de adolescentes e crianças com asma grave durante pandemia do SARS-CoV-2 teria resultados clínicos similares no controle da doença, na adesão ao tratamento e na qualidade de vida quando comparado ao seguimento clínico presencial. Além disso, a inserção de dados obtidos na plataforma RED-Cap possibilitaria a continuidade das linhas de pesquisa relacionadas à asma grave.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)