Busca avançada
Ano de início
Entree

Epidemiologia molecular de cepas de rotavirus g8 isoladas no brasil associadas aos genótipos p[4], p[6] ou p[8]

Processo: 20/11182-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2021
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Adriana Luchs
Beneficiário:Roberta Salzone Medeiros
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diarreia   Epidemiologia molecular   Gastroenterite   Rotavirus   Sequenciamento   Vigilância epidemiológica   Virologia

Resumo

Os rotavírus do grupo A (RVA) são a principal causa de gastroenterite aguda em humanos. Os RVAs são espécie-específicos, mas a transmissão inter espécie e o rearranjo entre os RVAs humanos e animais contribuem significativamente para sua diversidade genética. O genótipo G8 é amplamente distribuído em diferentes espécies animais, sendo relatado em suínos, equinos e, principalmente, em bovinos. A detecção de cepas G8 infectando humanos é mais rara, mas são descritas no mundo todo, inclusive no Brasil. A origem das cepas G8 na população humana tem sido investigada nos últimos anos e uma potencial origem bovina é sugerida. As cepas G8 exibem a capacidade de se combinar repetidamente com cepas de VP4 ecologicamente adaptadas ao intestino humano (i.e. P[4], P[6] e P[8]), o que facilitaria sua dispersão na população humana. Cepas humanas G8P[8] podem possuir tanto a constelação genômica Wa-like quanto o DS-1-like e, recentemente, cepas G8P[8] DS-1-like com genótipo G8 semelhantes aos bovinos emergiram na Ásia. A emergência de cepas exibindo rearranjos não usuais e/ou interespecíficos podem acarretar em implicações futuras nos programas de vacinação. O monitoramento das infecções causadas por RVA nos últimos 10 anos (2009-2019) pelo Instituto Adolfo Lutz, possibilitou a identificação de 15 cepas incomuns de RVA G8 associadas à P[4] (5 amostras), P[6] (7 amostras) e P[8] (3 amostras). O objetivo deste estudo é conduzir a caracterização molecular e a análise filogenética dos 11 segmentos (constelação genômica) de cepas de RVA G8P[4]/P[6]/P[8] detectadas entre 2009 e 2017, visando desvendar a verdadeira origem dessas cepas, assim como compreender a capacidade das mesmas em evadir a imunidade vacinal.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIANA PIRES DE SOUZA, YASMIN FRANCA; DE SOUZA, ELLEN VIANA; DE AZEVEDO, LAIS SAMPAIO; MEDEIROS, ROBERTA SALZONE; SAMPAIO TAVARES TIMENETSKY, MARIA DO CARMO; LUCHS, ADRIANA. Enteric adenovirus epidemiology from historical fecal samples in Brazil (1998-2005): Pre-rotavirus vaccine era. INFECTION GENETICS AND EVOLUTION, v. 94, OCT 2021. Citações Web of Science: 0.
LUCHS, ADRIANA; TARDY, KAELAN; TAHMASEBI, ROOZBEH; MORILLO, SIMONE GUADAGNUCCI; MILAGRES, FLAVIO AUGUSTO DE PADUA; MORAIS, VANESSA DOS SANTOS; BRUSTULIN, RAFAEL; TELES, MARIA DA APARECIDA RODRIGUES; DE AZEVEDO, LAIS SAMPAIO; DE SOUZA, ELLEN VIANA; MEDEIROS, ROBERTA SALZONE; DE SOUZA, YASMIN FRANCA VIANA PIRES; ARAUJO, EMERSON LUIZ LIMA; WITKIN, STEVEN S.; DENG, XUTAO; DELWART, ERIC; SABINO, ESTER CERDEIRA; LEAL, ELCIO; DA COSTA, ANTONIO CHARLYS. Human astrovirus types 1, 4 and 5 circulating among children with acute gastroenteritis in a rural Brazilian state, 2010-2016. ARCHIVES OF VIROLOGY, v. 166, n. 11 AUG 2021. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.