Busca avançada
Ano de início
Entree

Microtécnicas analíticas de separação para metabolômica e determinação de resíduos de agrotóxicos em tecidos e mel de abelhas nativas sem ferrão (Tetragonisca angustula)

Processo: 20/07864-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2020
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Alvaro José dos Santos Neto
Beneficiário:Rafael Sardeli de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/02147-0 - Cromatografia líquida em uma gota e seu acoplamento com espectrometria de massas: estratégias instrumentais, desenvolvimento de materiais, automatização e aplicações analíticas, AP.TEM
Assunto(s):Metabolômica   Agrotóxicos   Inseticidas   Abamectina   Fungicidas   Mel   Abelhas-sem-ferrão   Morango   Cromatografia líquida acoplada à espectrometria de massas   Bom Repouso (MG)

Resumo

O uso intensivo de agrotóxicos em plantações acarreta em diversos efeitos adversos em agente polinizadores. Estudos sobre estes efeitos em abelhas são escassos no Brasil, sobretudo de abelhas nativas sem ferrão. Estes insetos desenvolvem um papel essencial na polinização de muitas culturas, sendo imprescindível o desenvolvimento de métodos para a avaliação da sensibilidade destas abelhas aos agrotóxicos empregados, buscando elencar com propriedade os riscos inerentes do uso destes. Uma avaliação completa necessita de um monitoramento amplo dos agentes contaminantes nas diferentes matrizes ambientais, tais como as flores, o pólen, frutos e o mel produzido pelas abelhas, possibilitando assim uma análise geral dos impactos associados ao contato com estes agrotóxicos. Assim, neste estudo será desenvolvido, validado e aplicado um método para a determinação de resíduos do inseticida abamectina e do fungicida difenoconazol, utilizados nas lavouras de morango cultivados na região de Bom Repouso (MG), em tecidos da abelha polinizadora da espécie Tetragonisca angustula e no mel produzido por estas. O estudo visa também desenvolver e avaliar novos e modernos métodos de preparo de amostra e análise por cromatografia, se pautando em micro e nano técnicas de preparo de amostras e cromatografia acoplada à espectrometria de massa, buscando a maior eficiência e confiabilidade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)