Busca avançada
Ano de início
Entree

Gênese de estruturas pedogenéticas em solos urbanos e seus reflexos sobre a condutividade hidráulica

Processo: 19/03576-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 19 de abril de 2023
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geografia Física
Pesquisador responsável:Sheila Aparecida Correia Furquim
Beneficiário:Jéssica Rafaela da Costa
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):21/11350-9 - Impacto de microplásticos nas funções ecossistêmicas dos solos urbanos, BE.EP.DR
Assunto(s):Pedologia   Gênese do solo   Solo urbano   Condutividade hidráulica do solo   Ações antrópicas

Resumo

As ações humanas interferem nos processos de formação dos solos em meios urbanos principalmente pela introdução de materiais antrópicos, alterando suas características morfológicas, físicas, químicas e/ou mineralógicas. A estrutura do solo é uma das características morfológicas mais atingidas pelas atividades antrópicas, sendo que sua destruição ou degradação pode afetar significativamente o ciclo hidrológico. O objetivo do presente trabalho é demonstrar a atuação de processos pedogenéticos relacionados ao desenvolvimento de estrutura e sua influência sobre a condutividade hidráulica em solos urbanos. Para tanto, foi a descrição e coleta dos solos em campo e têm sido realizadas uma série de análises, mais especificamente micromorfolologia; escaneamento das estruturas do solo por Multi-stripe Laser Triangulation (MLT); determinação da condutividade hidráulica saturada; densidade aparente; densidade do solo; granulometria; diâmetro médio ponderado; índice de estabilidade de agregados; porosidade total; argila dispersa em água; grau de floculação; pHH2O e pHKCl; cátions trocáveis (Na+, K+, Ca+2, Mg+2); acidez potencial e carbono orgânico; identificação de microplásticos; Microscopia eletrônica de varredura (MEV) e espectroscopia de energia dispersiva (EDS). Os solos foram classificados conforme a WRB, os dados micromorfológicos e do MLT foram interpretados através de softwares de tratamento de imagem e os dados físicos e químicos serão tratados por análises estatísticas descritivas e fatoriais. A condutividade hidráulica será relacionada com as feições de estruturas presentes nos solos e os demais dados gerados. Espera-se encontrar variabilidade de arranjos estruturais e graus de desenvolvimento, bem como dos valores de condutividade hidráulica na camada superficial, em decorrência da heterogeneidade dos materiais antrópicos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)