Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da conversão ascendente em vidros dopados com lantanídeo para aplicação de células solares

Processo: 19/25756-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Younes Messaddeq
Beneficiário:Jeferson Almeida Dias
Instituição Sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/22828-6 - Ultrapassando as fronteiras de fibras ópticas: da fotônica até optogenética e monitoramento de meio ambiente, AP.SPEC
Assunto(s):Fibra óptica   Vidros dopados   Elementos da série dos lantanídeos   Células solares
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Fibras electro-opticas | Sondas ópticas | sondas para neurociencia | Fibras opticas

Resumo

Este projeto propõe investigar o sistema vítreo SiO2-GeO2- (Al2O3, Nb2O5) -K2O co-dopado com Yb3 +: Er3 +, Ce3 + e Nd3 +. Para dispositivos fotovoltaicos, o índice de refração precisa ser o mais baixo possível para evitar alta reflexão na superfície do vidro; portanto, esse parâmetro deve ser o mais baixo possível. Além disso, a composição deve ser ajustada para permitir alta transparência e estabilidade, com baixo custo. O uso de terras raras de baixo custo (Nd3 +, Ce3 +) pode ser enfatizado levando em consideração a aplicação prática de células solares (o dispositivo deve ser competitivo em relação às de silício). Por outro lado, uma compreensão profunda desse sistema de vidro também é importante para aplicações mais nobres, como nos casos de lasers, nos quais a eficácia da UC pode ser obrigatória que o custo. Para esses casos, é desejável a produção de vitrocerâmicas para melhorar ainda mais as emissões de UC para composições selecionadas, que podem ser investigadas por condições selecionadas. Finalmente, os vidros que apresentaram melhores resultados podem ser utilizados na construção de células solares (perovskita de chumbo metilamônio) e na camada condutora (óxido de zinco dopado com alumínio); assim, a melhoria promovida pela UC para células solares pode ser medida por testes fotovoltaicos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DIAS, JEFERSON A.; SANTAGNELI, SILVIA H.; RIBEIRO, SIDNEY J. L.; MESSADDEQ, YOUNES. Perovskite Quantum Dot Solar Cells: An Overview of the Current Advances and Future Perspectives. SOLAR RRL, . (19/25756-7, 15/22828-6)
DIAS, JEFERSON A.; SANTAGNELI, SILVIA H.; RIBEIRO, SIDNEY J. L.; MESSADDEQ, YOUNES. Perovskite Quantum Dot Solar Cells: An Overview of the Current Advances and Future Perspectives. SOLAR RRL, v. 5, n. 8, . (19/25756-7, 15/22828-6)
DIAS, JEFERSON A.; SANTAGNELI, SILVIA H.; MESSADDEQ, YOUNES. Methods for Lithium Ion NASICON Preparation: From Solid-State Synthesis to Highly Conductive Glass-Ceramics. Journal of Physical Chemistry C, v. 124, n. 49, p. 26518-26539, . (19/25756-7, 15/22828-6)
DIAS, JEFERSON A.; SANTAGNELI, SILVIA H.; RODRIGUES, ANA C. M.; BOAS, NAIZA V.; MESSADDEQ, YOUNES. Understanding the Evolution of the Structure and Electrical Properties during Crystallization of Li1.5Al0.5Ge1.5(PO4)(3) and Li1.5Sc0.17Al0.33Ge1.5(PO4)(3) NASICON-Type Glass Ceramics. Journal of Physical Chemistry C, v. 127, n. 13, p. 19-pg., . (19/25756-7, 19/15227-7, 15/22828-6, 18/24735-3)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.