Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da luz no crescimento e na bioluminescência do fungo Neonothopanus gardneri

Processo: 19/26510-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2020
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Radiologia e Fotobiologia
Pesquisador responsável:Cassius Vinicius Stevani
Beneficiário:Sabrina Santos de Assis
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/22501-2 - Quimiexcitação eletrônica em sistemas biológicos: bioluminescência e 'foto'química no escuro, AP.TEM
Assunto(s):Luciferases   Micélio   Luciferina

Resumo

A bioluminescência consiste em um fenômeno de emissão de luz visível por organismos vivos, resultante de uma reação química entre o substrato (luciferina) e oxigênio molecular, catalisada por uma enzima (luciferase). No basidiomiceto Neonothopanus gardneri a bioluminescência é controlada por um relógio biológico, mostrando ritmo na emissão de luz e na atividade das enzimas envolvidas no Ciclo do Ácido Cafeico (CAC), responsável pela biossíntese da luciferina fúngica e bioluminescência. Entretanto, até o momento, não se sabe quais são os componentes do relógio biológico deste organismo. No ascomiceto Neurospora crassa alguns fotorreceptores participam do relógio biológico e alguns deles são conservados em diversas linhagens de fungos. Nesse sentido, a hipótese é de que o cultivo de fungos sob luz de diferentes cores estimularia a ação de diferentes fotorreceptores, cuja associação com o relógio biológico poderia resultar em um crescimento e intensidade de emissão de luz diferenciados. Para isso, o micélio de N. gardneri será cultivado sob luz branca, azul, vermelha e verde e o crescimento e a emissão de luz serão avaliados, bem como a produção dos intermediários do CAC e dos transcritos que codificam para as enzimas desta via metabólica. Com isso, espera-se que os resultados deste projeto contribuam com outros estudos que desvendem os mecanismos moleculares relacionados à regulação da bioluminescência em fungos.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)