Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do gene mgtC na patogenicidade de Salmonella Gallinarum em aves susceptíveis ao tifo aviário

Processo: 19/16198-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Angelo Berchieri Junior
Beneficiário:Bruna Nestlehner de Lima
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Avicultura   Salmonella   Virulência   Deleção de genes

Resumo

Salmonella Gallinarum biovar Gallinarum (SG) é o agente etiológico do tifo aviário, doença que acomete aves pesadas e semi-pesadas de qualquer idade. Sua disseminação ocorre principalmente pela via horizontal através do ato de canibalismo. Devido à elevada capacidade de provocar doença sistêmica aguda com altas taxas de mortalidade e morbidade, além de ser de difícil controle, o patógeno é um dos principais desafios sanitários na avicultura. No hospedeiro, a bactéria possui uma diversidade de mecanismos de sobrevivência. Dentre eles, a expressão do gene mgtC em outros sorovares, localizado na região cromossômica denominada Ilha de Patogenicidade de Salmonella - 3 (SPI-3), têm sido relacionado com a capacidade da bactéria em se multiplicar e sobreviver no interior dos macrófagos, evadindo o sistema imune. Contudo, até o momento não há estudos envolvendo a importância dos genes da SPI-3 para a patogenicidade de SG. Nós demonstramos previamente que a deleção dos genes phoPQ atenuou S. Gallinarum biovar Gallinarum e, dessa forma, foi hipotetizado que a regulação dos genes da SPI-3 poderiam estar comprometidos, visto que a expressão de alguns ocorre via sistema PhoPQ. Portanto, o presente projeto tem como objetivo avaliar a importância do gene mgtC na patogenicidade de Salmonella Gallinarum biovar Gallinarum em aves susceptíveis.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)