Busca avançada
Ano de início
Entree

Silenciamento de genes pp2, codificadores de proteínas de floema, em laranja doce, por meio da metodologia de RNAi

Processo: 19/13443-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2019
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Laís Moreira Granato
Beneficiário:Nathália da Roz D' Alessandre
Instituição Sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Genética vegetal   Melhoramento genético vegetal   Greening (doença de planta)   Produtos fitossanitários   Floema   Citrus   Interferência de RNA   Técnicas de silenciamento de genes
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Citrus | proteínas de floema | RNAi | silenciamento | Genética Vegetal

Resumo

O Huanglongbing (HLB) é um dos principais problemas fitossanitários em zonas citrícolas de muitos países produtores de laranja. É causado pela bactéria Candidatus Liberibacter spp. e os sintomas da doença têm sido parcialmente relacionados pelo acúmulo de calose e proteínas de floema (PP2) nos tubos de elementos crivados do floema da planta infectada. O mecanismo de acúmulo de proteínas PP2 nas placas crivadas do floema de citros, possivelmente, é uma reação de defesa da planta, a fim de reduzir a capacidade de colonização da bactéria via floema. Ao desencadear essa resposta, a planta reduz ou impede o adequado transporte de fotoassimilados para os órgãos dreno e gera um acúmulo de fotoassimilados nos órgãos fonte, o que leva aos sintomas do HLB. Devido aos sérios danos causados, o HLB tem mobilizado a atenção de grupos de pesquisas para o desenvolvimento de cultivares resistentes. Contudo, o melhoramento genético de citros é limitado devido esta ser uma planta perene, assim como pela incompatibilidade polínica, poliembrionia e partenocarpia. A técnica de RNA de interferência (RNAi) tem sido aplicada em outras culturas agrícolas para a obtenção de plantas mais tolerantes a doenças e para identificação da função de genes envolvidos com estresses abióticos e bióticos. No entanto, trabalhos de silenciamento em plantas de citros utilizando RNAi ainda são incipientes. Dessa forma, nossos objetivos são o knockdown dos genes pp2 em plantas de laranja doce por meio da tecnologia de RNAi, com o intuito de confirmar a função dos genes pp2, além de obter plantas cítricas com maior tolerância ao HLB.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)