Busca avançada
Ano de início
Entree

O respeitável público: arte circense e processos biográficos

Processo: 17/26412-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 24 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:José Francisco Miguel Henriques Bairrão
Beneficiário:Giovana Tecchio Tonini
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Etnopsicologia   Artes circenses   Circo   Experiências de vida   Coleta de dados   Entrevistas (psicologia)   Políticas públicas

Resumo

A história do circo clássico diz respeito à desenvoltura do fantástico e ao lugar em que habita o impossível. Apesar da riqueza lúdica circense, tem sido percebido que com o avançar das tecnologias e reafirmação da contemporaneidade, assim como outras artes, tem sofrido marginalização e esquecimento. Frente a isso, uma mulher de um bairro periférico de Ribeirão Preto instaurou um projeto de circo social em seu bairro, se propondo a ensinar práticas circenses para crianças e jovens marginalizados. A atitude da idealizadora do grupo reflete resistência não apenas quanto ao desfalecimento da prática, mas quanto à vida dos infanto-juvenis: representa um espaço de contato às artes, que não incentivado pelo meio de periferia em que estão imersos ou por políticas públicas brasileiras, que não contemplam demandas por vezes tão essenciais deste público, como segurança e saúde dignas, quanto menos as artísticas. Este estudo tem por objetivo investigar como o circo atinge a vida destas crianças e o que exprime simbolicamente para a autora do empreendimento. A coleta de dados se dará por meio de entrevistas não-estruturadas e anotações em um diário de campo, pertinentes às visitas ao espaço das atividades semanalmente; terá como pilares artifícios do método etnopsicanalítico, como a escuta participante, e do método biográfico. Quanto à análise, serão levados em conta princípios fundamentalmente psicanalíticos, com intuito de ouvir as (tantas) dimensões dos indivíduos. Espera-se que esta pesquisa contribua para a divulgação dos conhecimentos da arte circense e, sobretudo, como a mesma influencia a subjetividade e identidade biográfica dos protagonistas juvenis e da autora do projeto.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIOVANA TONINI; JOSÉ FRANCISCO MIGUEL HENRIQUES BAIRRÃO. PRESENÇA E PROPÓSITO DO CIRCO SOCIAL: UMA INICIATIVA POPULAR AUTÔNOMA. Psicologia & Sociedade, v. 33, . (17/26412-4)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.