Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da hipótese de uso de violações sexuais como estratégia de Elisabeth Jean Wood no caso das 'mulheres de conforto' coreanas

Processo: 18/06459-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Política Internacional
Pesquisador responsável:Rafael Salatini de Almeida
Beneficiário:Ariel da Silva Parrilha
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Assunto(s):Relações internacionais   Conflitos internacionais   Feminismo   Delitos sexuais   Estudos de gênero   Coreia do Sul   Japão

Resumo

O presente projeto de iniciação científica visa centralmente analisar a teoria de Elisabeth Jean Wood, importante teórica feminista das relações internacionais, que argumenta que a violação sexual em conflitos armados não é um fenômeno inevitável, de modo que atos de violência podem ser evitados pelos comandantes dos grupos armados, fazendo com que os líderes sejam responsabilizados pelas violações de direitos humanos observadas em conflitos, aplicando essa teoria ao caso específico das "mulheres de conforto" coreanas, no qual o exército imperial japonês escravizou sexualmente jovens da Coreia para satisfazer as necessidades dos soldados japoneses. Pretende-se: (a) pesquisar a hipótese proposta por Wood em relação ao uso de violações sexuais como estratégia de guerra em conflitos armados; (b) levantar informações empíricas e históricas básicas (a partir de dados secundários) sobre o caso das "mulheres de conforto" coreanas; e (c) aplicar a compreensão do estupro presente na hipótese de Wood de violações sexuais como estratégia de guerra em conflitos armados no caso das "mulheres de conforto" coreanas. A importância crescente dos estudos de gênero nas relações internacionais, com destaque dentro dos quais para o tema do estupro nos conflitos internacionais, justifica o empreendimento do presente projeto de pesquisa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)