Busca avançada
Ano de início
Entree

Técnicas de sensoriamento remoto para identificação de infestações de ácaro-rajado Tetranychus urticae Koch em plantas de morangueiro

Processo: 18/11111-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 11 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Água e Solo
Pesquisador responsável:David Luciano Rosalen
Beneficiário:Lucas Watanabe Garcia
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Produção sustentável   Desenvolvimento de tecnologia   Manejo integrado de pragas   Sensoriamento remoto   Controle biológico   Tetranychus urticae   Modelos ecológicos
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Índice de Vegetação | Manejo integrado de pragas | ndvi | Sensoriamento Remoto

Resumo

Estratégias de produção sustentável e métodos ecológicos que minimizam o uso de insumos são partes de um rigoroso processo de segurança e qualidade dos alimentos. Pesquisas recentes têm desenvolvido uma vasta gama de tecnologias para detectar pragas de forma eficiente, antecipada e precisa, reduzindo os riscos de surtos e injúrias nas culturas mais comercializadas. Uma dessas atividades de relevância econômica e social é o cultivo do morango, que apresenta uma área cultivada no país de aproximadamente 3500 hectares, fragmentadas em pequenas e médias propriedades rurais em vários estados, com uma produção de 133 mil toneladas por ano. Essa cultura tem apresentado expressivo crescimento nos últimos anos no Brasil e no mundo, devido a fatores produtivos e sociais, principalmente a alta rentabilidade econômica e a grande demanda pelos consumidores. Dentre os diversos problemas fitossanitários na cultura do morangueiro, o ácaro rajado é considerado o principal pelos produtores. Dessa forma, se faz necessário o desenvolvimento de tecnologias que possam identificar essa praga. Partindo do pressuposto de que a análise dos índices de vegetação obtidos por sensoriamento remoto para diferentes infestações do ácaro resultam em comportamentos distintos no espectro captado, objetiva-se correlacionar a infestação e os dados espectrais da planta. Além disso, é objetivo relacionar as respostas com estratégias de controle dessa praga, incluindo o controle biológico e o químico.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)