Busca avançada
Ano de início
Entree

Extração semiautomática de rodovia a partir de trajetórias GNSS densas via correlação de histogramas

Processo: 18/15142-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geodésia
Pesquisador responsável:Aluir Porfírio Dal Poz
Beneficiário:Daniel José Padovani Ederli
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Fotogrametria   Distribuição de frequência   Rodovias   Amplitude   Regressão linear   Delineamento experimental

Resumo

Neste projeto de pesquisa é proposto um método para o delineamento semiautomático de rodovias a partir de trajetórias GNSS densas, tendo por base duas etapas básicas: inicialização e delineamento. A etapa de inicialização segue três passos básicos: uma sequência de pontos é interpolada linearmente entre os dois pontos sementes previamente selecionados por um operador; histogramas com amplitude compatíveis com a largura da rodovia são estabelecidos nos pontos interpolados ao longo de direções transversais a rodovia - a frequência absoluta de cada classe coincide com o número de trajetórias GNSS contidas na respectiva amplitude da correspondente classe; um histograma médio (modelo) é computado via média aritmética entre as frequências absolutas das classes correspondentes. Na etapa de delineamento os pontos do eixo de rodovia são extraídos sequencialmente. Cada ponto do eixo de rodovia é extraído como segue: um modelo local de trajetória é estabelecido via regressão linear, tendo por base os últimos pontos extraídos; este modelo é utilizado para extrapolar linearmente o último ponto extraído; no ponto extrapolado é extraído um histograma com largura um pouco maior que o perfil modelo; a posição do ponto extrapolado é corrigida via estratégia de correlação 1D baseada na função de correlação erro quadrático. O modelo local de trajetória é atualizado e o processo de delineamento continua, até que o final da rodovia seja alcançado. O método será avaliado experimentalmente com base em trajetórias GNSS a serem obtidas junto ao projeto OpenStreetMap de acesso livre.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)