Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do teste rápido ALERE® leishmaniose AC test kit no diagnóstico da leishmaniose visceral canina

Processo: 18/07529-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Wagner Luis Ferreira
Beneficiário:Laryssa Taibo Conde Martinez Cardoso
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária (FMVA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Sorologia   Doenças parasitárias   Leishmaniose   Leishmania infantum   Leishmaniose visceral animal   Cães   Ensaio de imunoadsorção enzimática   Diagnóstico clínico   Avaliação clínica

Resumo

Leishmaniose visceral é uma zoonose causada, no Brasil, pela Leishmania infantum e no país, de 2012 a 2016 foram notificados 16.233 casos da doença, com 1223 óbitos. O cão atua como principal reservatório doméstico do parasito. Estima-se que o número de cães infectados no Brasil seja da ordem de milhões, existindo uma associação entre a ocorrência da infecção em cães e o risco da ocorrência da doença em seres humanos. A importância do diagnóstico da leishmaniose visceral canina no Brasil reside no fato de que, dentre as estratégias de controle da doença encontra-se a eliminação do cão sorologicamente positivo. Atualmente os métodos utilizados para o diagnóstico são um teste imunocromatográfico rápido de duplo percurso (TR DPP® LVC, Bio-Manguinhos, Fiocruz, Rio de Janeiro, Brasil), que possui como antígeno uma proteína recombinante (rk28) de L. infantum, como teste de triagem e um ELISA como confirmatório. A facilidade do uso de testes comerciais de diagnósticos rápidos, sejam testes imunocromatográficos ou ELISA, têm levado muitos clínicos particulares a utilizarem estes como único método de diagnóstico. Dentre os kits de diagnóstico rápido comercialmente disponíveis no Brasil, o Alere® Leishmaniose Ac Test Kit (Alere S.A.), é utilizado rotineiramente por clínicos veterinários. No entanto, os resultados da literatura são controversos no que diz respeito à sensibilidade e especificidade do mesmo, e à concordância com os resultados obtidos quando da utilização do DPP®. Em função das escassa literatura no que diz respeito à avaliação da utilização do kit Alere® no diagnóstico da leishmaniose visceral canina, da importância de um diagnóstico correto da doença e da discordância existente entre os dois estudos publicados até o momento, é que o presente estudo visa avaliar a sensibilidade e especificidade do teste rápido Alere® para o diagnóstico da doença, e determinar se existe concordância entre os resultados obtidos por meio deste teste com o oficialmente utilizado pelo Ministério da Saúde do Brasil (DPP®).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)