Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de modelos constitutivos reológicos para o tecido e de sua espessura na predição de ruptura de Aneurismas Intracranianos

Processo: 17/18514-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 29 de março de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Mecânica - Engenharia Térmica
Pesquisador responsável:José Luiz Gasche
Beneficiário:Iago Lessa de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/19098-7 - Implementação de modelos de sólidos para a solução de interação fluido-estrutura no escoamento em aneurismas intracranianos usando o solids4foam, BE.EP.DR
Assunto(s):Bioengenharia   Aneurisma intracraniano   Ruptura aórtica   Interação fluido-estrutura   Dinâmica dos fluidos computacional

Resumo

Aneurismas são anormalidades formadas em algumas partes do sistema vascular humano e se caracterizam por regiões dilatadas e finas da parede arterial. Um dos tipos mais comuns ocorre no interior das artérias que chegam ao cérebro, no chamado Círculo de Willis. Estes casos de Aneurismas Intracranianos são extremamente perigosos, pois em caso de rompimento podem ocasionar hemorragia cerebral, com consequente morte ou presença de sequelas permanentes no paciente. Os pesquisadores concordam que os fenômenos hemodinâmicos têm papel fundamental na formação, crescimento e ruptura de Aneurismas Cerebrais. A partir do desenvolvimento de técnicas de mapeamento do sistema vascular cerebral, pôde-se obter a geometria de Aneurismas de modo que métodos numéricos na solução de problemas de escoamento passaram a ser utilizados. A partir de então, diversas pesquisas vêm sendo feitas visando a investigação da influência das variáveis biológicas e hemodinâmicas na ruptura do Aneurisma. Entretanto, apenas recentemente foi dado focono problema de interação fluido-estrutura no estudo da ruptura do Aneurisma, na qual asvariáveis da parede do Aneurisma - como tensões e deformações - são essenciais para estudar o evento de ruptura. O presente trabalho consiste em uma investigação numéricado modelo constitutivo ideal para o tecido da parede do Aneurisma de modo a prever sua ruptura. Além disso, o modelo deve prever espessura variável para as paredes. Será utilizado o software Open-Source Foam-Extend que conta com uma biblioteca para problemas de interação fluido-estrutura. Modelos geométricos de Aneurismas reais serão utilizados para as simulações. Após as simulações, os campos de velocidade, pressão, tensão de cisalhamenton as paredes e tensão na parede serão analisados com o objetivo de identificar a possibilidadede ruptura do Aneurisma. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)