Busca avançada
Ano de início
Entree

Jornalismo cultural goês em torno de 1961

Processo: 17/18625-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2017
Vigência (Término): 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Outras Literaturas Vernáculas
Pesquisador responsável:Helder Garmes
Beneficiário:Marcello Felisberto Morais de Assunção
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/15657-8 - Pensando Goa - uma peculiar biblioteca de língua portuguesa, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):19/22247-4 - Ecos da libertação: a Goa pós-colonial (1961-1967) nas caixas "Índia Portuguesa" do Arquivo Nacional da Torre do Tombo., BE.EP.PD
Assunto(s):Imprensa   Pós-colonialismo   Colonialismo   História da literatura

Resumo

Este projeto focaliza a produção cultural e literária em Goa, em torno do momento do fim do colonialismo português em 1961. A imprensa de língua portuguesa em Goa no seculo XX foi bastante profícua, bastando citar o diário O Heraldo (1900-), que ainda se encontra em circulação sob o titulo Herald e redigido em inglês, ou periódicos como A Vida (1938-1966), de Margão, ou Diário da Noite (1939-1967), de Panjim, que se encerraram poucos anos depois do fim do processo colonial. Objetiva-se fazer uma pesquisa das obras literárias publicadas nesses jornais pelos mais destacados escritores de língua portuguesa da época e refletir acerca das mudanças sofridas no campo da cultura em função do episódio de 1961, ressaltando a importância da imprensa na formação de uma tradição literária nas ex-colonias.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)