Busca avançada
Ano de início
Entree

Sobrevivendo ao jogo: estratégias e trajetórias partidárias no Brasil

Processo: 17/15173-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 30 de junho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Estado e Governo
Pesquisador responsável:Pedro José Floriano Ribeiro
Beneficiário:Pedro Paulo Ferreira Bispo de Assis
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/05132-0 - Estado, partidos políticos e sociedade no Brasil Contemporâneo, AP.JP
Assunto(s):Partidos políticos   Política do Brasil   Eleições (processo político)

Resumo

A proposta visa entender como partidos políticos brasileiros sobrevivem no governo representativo contemporâneo. O projeto propõe investigar comparativamente as trajetórias do PT, PSDB, PMDB e PFL/DEM, entre 1998 e 2018, no nível nacional (executivo e legislativo) e estadual (executivo) pelo uso da técnica process-tracing em path dependence. A hipótese principal é que os partidos políticos brasileiros se mantêm competitivos no tempo a partir do emprego de estratégias especializadas, contínuas e alinhadas, nas disputas representativas - arenas organizacional, eleitoral e governamental. O teste de tal hipótese ocorrerá por meio da aplicação de um modelo de sobrevivência partidária, desenhado a partir da literatura brasileira, que cercará as trajetórias de sobrevivências partidárias em três dimensões de análise: a trajetória organizacional (domínio e articulação da organização), a trajetória eleitoral (posicionamentos e resultados eleitorais) e a trajetória governamental (posicionamentos como governo e oposição e posições de poder ocupadas). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PEDRO FLORIANO RIBEIRO; LUÍS LOCATELLI; PEDRO PAULO DE ASSIS. “ Acompanho o Meu Partido ”: Organização Partidária e Comportamento Legislativo no Brasil. Dados, v. 65, n. 4, . (18/19925-8, 19/25865-0, 17/21519-5, 17/15173-9)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.