Busca avançada
Ano de início
Entree

Cooperação entre as vias de sinalização mediadas por TLR4 e IL-1R na regulação da resposta imune durante a infecção humana e experimental por L. infantum

Processo: 17/04347-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2017
Vigência (Término): 15 de maio de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Vanessa Carregaro Pereira
Beneficiário:Laís Amorim Sacramento
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/08216-2 - CPDI - Centro de Pesquisa em Doenças Inflamatórias, AP.CEPID
Bolsa(s) vinculada(s):19/12991-8 - Papel da IL-1 na integridade da mucosa intestinal e nas alterações da microbiota durante a leishmaniose visceral, BE.EP.PD
Assunto(s):Imunorregulação   Síndrome da liberação de citocina   Células dendríticas   Leishmaniose visceral

Resumo

A regulação da intensidade e magnitude das respostas imunes em processos infecciosos crônicos precisa ser finamente orquestrada a fim de promover o controle do patógeno e evitar o desenvolvimento de imunopatologia. A leishmaniose visceral (LV) é uma doença crônica e potencialmente fatal, caso não seja devidamente tratada. Pacientes que desenvolvem LV grave apresentam um quadro denominado "tempestade de citocinas", caracterizado pelos elevados níveis de mediadores pro- e anti-inflamatórios de forma sistêmica. Entretanto, os mecanismos envolvidos na exacerbação da resposta imune e/ou na falha em limita-la ainda não estão elucidados. As vias de sinalização dos TLRs atuam de maneira integrada com o objetivo de iniciar ou regular a resposta imune adaptativa. Nós demonstramos o papel do TLR9 e TLR2 na indução da resposta imune protetora durante a infecção por L. infantum. Por outro lado, a via de sinalização do TLR4/TRIF-IRF1 presente nas células dendríticas (DCs) limita o desenvolvimento de células Th1 e Th17 através de um mecanismo dependente de IFN do tipo 1 e IL-10. Além disso, nossos dados preliminares demonstram que a citocina IL-1 também participa da regulação negativa da resposta imune e a sua ausência (IL-1±-/-) leva à translocação da microbiota intestinal durante a infecção. Uma vez que a via do TLR4 compartilha moléculas com a sinalização do IL-1R, como por exemplo o IRF1, nós temos como objetivos: Investigar se a via de sinalização de IL-1R e TLR4 regulam de maneira coordenada a resposta imune; Compreender o papel do IL-1± na manutenção da integridade da barreira intestinal durante a LV e, por fim, avaliar a expressão e função dos TLRs em pacientes com LV grave.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SACRAMENTO, LAIS AMORIM; BENEVIDES, LUCIANA; MARUYAMA, SANDRA REGINA; TAVARES, LUCAS; FUKUTANI, KIYOSHI FERREIRA; FRANCOZO, MARCELA; SPARWASSER, TIM; CUNHA, FERNANDO QUEIROZ; ALMEIDA, ROQUE PACHECO; DA SILVA, JOAO SANTANA; et al. TLR4 abrogates the Th1 immune response through IRF1 and IFN-beta to prevent immunopathology during L. infantum infection. PLOS PATHOGENS, v. 16, n. 3, . (13/08216-2, 12/14524-9, 17/04347-6, 15/12526-2)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.