Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise transcriptômica de Agave spp.

Processo: 17/04900-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Vegetal
Pesquisador responsável:Gonçalo Amarante Guimarães Pereira
Beneficiário:Fabio Trigo Raya
Supervisor no Exterior: Piotr Mieczkowski
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of North Carolina at Chapel Hill (UNC), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:16/05396-8 - Expressão gênica de Agave spp. para bioenergia: explorando o potencial de plantas CAM, BP.MS
Assunto(s):Transcriptômica   Bioenergia   Biomassa   Agave   Análise de sequência de RNA   CAM

Resumo

Recentemente, as espécies de Agave apareceram como candidatos para a produção de bioenergia por conta de sua alta produtividade em áreas de baixa pluviosidade, tolerância a seca e baixos teores de lignina. Embora a produção comercial de Agave spp. para bioenergia ainda não tenha sido demonstrada, diversas espécies são cultivadas comercialmente tanto para produção de fibras quanto para bebidas alcoólicas. Entre os Agaves cultivados para obtenção de fibras, a espécie mais utilizada é Agave sisalana (Sisal). Atualmente, o Brasil é o principal produtor e exportador mundial da fibra de sisal, respondendo por 58% da produção e 70% da exportação global. A agaveicultura brasileira ocupa uma extensa área de solos pobres em nutrientes na região semiárida do Nordeste, onde, muitas vezes, é a única alternativa de cultivo com resultados econômicos satisfatórios. Este sucesso deve-se principalmente ao Metabolismo ácido crassuláceo (CAM), o mecanismo fotossintético mais eficiente em uso de água. Para explorar o potencial de espécies CAM como matéria-prima para a produção de biocombustíveis, é necessário um entendimento em nível de sistemas que abranja desde os mecanismos de controle metabólico e molecular até o desempenho agronômico de CAM em ecossistemas marginais. A analise compreensiva de transcriptômica, proteômica e metabolômica de espécies CAM de alta performance é um passo importante para maximizar o potencial dessas plantas como insumos para biocombustíveis através de seleção e melhoramento. Portanto, este projeto propõe identificar genes ou rotas diferencialmente expressos relacionados à resistência à seca e formação de biomassa através de análises transcriptômicas de Agave. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RAYA, FABIO TRIGO; MARONE, MARINA PUPKE; CARVALHO, LUCAS MIGUEL; RABELO, SARITA CANDIDA; DE PAULA, MAIKI SOARES; CAMPANARI, MARIA FERNANDA ZANELI; FRESCHI, LUCIANO; MAYER, JULIANA LISCHKA SAMPAIO; SILVA, ODILON RENY RIBEIRO FERREIRA; MIECZKOWSKI, PIOTR; CARAZZOLLE, MARCELO FALSARELLA; PEREIRA, GONCALO AMARANTE GUIMARAES. Extreme physiology: Biomass and transcriptional profiling of three abandoned Agave cultivars. INDUSTRIAL CROPS AND PRODUCTS, v. 172, NOV 15 2021. Citações Web of Science: 0.
QUINTANILHA-PEIXOTO, GABRIEL; CAMARGOS FONSECA, PAULA LUIZE; RAYA, FABIO TRIGO; MARONE, MARINA PUPKE; BORTOLINI, DENER EDUARDO; MIECZKOWSKI, PIOTR; OLMO, ROENICK PROVETI; CARAZZOLLE, MARCELO FALSARELLA; VOIGT, CHRISTIAN A.; FERMINO SOARES, ANA CRISTINA; GUIMARAES PEREIRA, GONCALO AMARANTE; GOES-NETO, ARISTOTELES; GUIMARAES ROCHA AGUIAR, ERIC ROBERTO. The Sisal Virome: Uncovering the Viral Diversity of Agave Varieties Reveals New and Organ-Specific Viruses. MICROORGANISMS, v. 9, n. 8 AUG 2021. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.