Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo para predição de potenciais cruzamento no melhoramento genético da cana-de-açúcar através de marcadores moleculares e coeficiente de parentesco

Processo: 17/05357-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Rodrigo Gazaffi
Beneficiário:Rachel Cruz Carvalho Tairum
Instituição Sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Endogamia   Melhoramento genético   Cana-de-açúcar   Genótipo   Parentesco   Genealogia   Variação genética
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Correlação | endogamia | fases iniciais de melhoramento | Jaccard | kinship | marcadores SSR | Melhoramento Genético

Resumo

O melhoramento genético da cana-de-açúcar apresenta importância significativa no processo de desenvolvimento da cultura para o país gerando cultivares mais adaptadas as diferenças condições ambientais de cultivo e manejo. De forma geral, o fluxograma de um programa de melhoramento de cana-de-açúcar está caracterizado em duas etapas, a formação de uma população segregante através do o cruzamento entre diferentes genitores seguido por diversas subetapas de seleção e clonagem. A seleção de genitores pode ser realizada com segurança baseada na capacidade de combinação de um dados genótipo, porém isto implica na necessidade de realizar um determinado cruzamento e avaliá-lo em condições de campo, tarefa onerosa e demorada. Por outro lado, o amplo desenvolvimento e uso dos marcadores moleculares permite inferir a similaridade e/ou distâncias genéticas entre genótipos, em teoria, a variabilidade de um cruzamento é proporcional a sua distância genética, se o cruzamento apresentar média elevada, maior a chance de encontrar um genótipo superior. No entanto, poucos estudos relacionam o desempenho médio dos cruzamentos ou famílias, com a distância genética e/ou coeficiente de parentesco calculado através da genealogia. Desta forma, o presente trabalho tem por objetivo analisar três populações de mapeamento, plantadas nos anos de 2011, 2012 e 2013, em blocos ao acaso e com quatro repetições, avaliadas para teor de POL tonelada de cana e açúcar por hectare (TCH e TPH, respectivamente) e fibra. A distância genética será estimada por meio dos coeficientes de Jaccard, Simple Matching e Dice, além do cálculo do coeficiente de parentesco de Malécot. Serão correlacionadas a classificação obtida com as medidas de campo, com os coeficientes genéticos para tentar determinar se alguma destas medidas por servir como indicador para a predição de cruzamentos no melhoramento da cana-de-açúcar.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)