Busca avançada
Ano de início
Entree

A criança nos documentos oficiais do programa ampliação do ensino fundamental para nove anos

Processo: 16/22608-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Planejamento e Avaliação Educacional
Pesquisador responsável:Géssica Priscila Ramos
Beneficiário:Jaqueline Cristina da Silva
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Política educacional   Ensino fundamental   Avaliação de programas educacionais

Resumo

No ano de 2006 foi aprovada a Lei nº 11.274, que alterou a duração do ensino fundamental de oito para nove anos, no Brasil, e estabeleceu a matrícula obrigatória a partir dos 6 anos de idade. Essa mudança repercutiu no cotidiano de todos os envolvidos com a educação, desde as crianças até os profissionais, de modo que, a partir de então, é nesse contexto que as atuais crianças estudam e que os docentes/pedagogos atuam. Desse modo, esta pesquisa estabeleceu como objetivo central identificar e analisar a/as concepção/ões apresentada/s nos textos legais do Programa Ampliação do Ensino Fundamental para Nove Anos sobre a criança ingressante nessa etapa de ensino. Este estudo será de cunho bibliográfico e documental, tendo como base de análise as seguintes categorias de conteúdo: brincar, espaço/ambiente, currículo, metodologia, tempo, relação professor/aluno e aprendizagem/desenvolvimento. Ademais, será levado em consideração os objetivos reais e os objetivos proclamados presentes nos documentos oficiais do Programa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)