Busca avançada
Ano de início
Entree

Contaminantes emergentes na costa Sul e Sudeste do Brasil: implementação de metodologia analítica e distribuição ambiental

Processo: 16/21368-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2017
Vigência (Término): 06 de maio de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Química
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Rosalinda Carmela Montone
Beneficiário:Tatiane Combi
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/19160-9 - Detecção não-alvo de compostos antropogênicos em sedimentos e golfinhos do Brasil, BE.EP.PD
Assunto(s):Sedimentos

Resumo

O uso de produtos químicos potencialmente perigosos para o ambiente (incluindo poluentes orgânicos persistentes (POPs), produtos de cuidado pessoal (PCPs), retardantes de chama, entre outros) em grandes quantidades e variedade compromete a qualidade dos corpos hídricos e da biota associada a estes ecossistemas. A ocorrência desses compostos no ambiente resulta em interferências durante a realização de análises químicas, prejudicando a avaliação da ocorrência e distribuição de contaminantes em matrizes ambientais. O desenvolvimento e a otimização de métodos analíticos capazes de detectar diversas classes de compostos em níveis muito baixos e a avaliação dos níveis de contaminação em áreas costeiras e marinhas estão entre as questões mais complexas e atuais na área da química ambiental, dada a diversidade de produtos sintéticos dispersos no meio ambiente, especialmente em países menos desenvolvidos como o Brasil. O presente projeto pretende avaliar a ocorrência de compostos emergentes em diferentes matrizes ambientais, como os sedimentos superficiais e tecidos adiposos de golfinhos, em áreas selecionadas das regiões costeiras sudeste e sul do Brasil após a otimização e implementação de uma metodologia analítica pareada ao estado da arte a nível internacional e ainda incipiente nos grupos de pesquisa do Brasil. Adicionalmente, este projeto deve contribuir na avaliação das fontes potenciais e o destino de contaminantes emergentes em áreas selecionadas, bem como contribuir com dados inéditos para os inventários regionais e globais. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOTAO NETO, BASILIO M. T.; COMBI, TATIANE; TANIGUCHI, SATIE; ALBERGARIA-BARBOSA, ANA C. R.; RAMOS, RAISSA B.; LOPES FIGUEIRA, RUBENS CESAR; MONTONE, ROSALINDA C.. Persistent organic pollutants (POPs) and personal care products (PCPs) in the surface sediments of a large tropical bay (Todos os Santos Bay, Brazil). Marine Pollution Bulletin, v. 161, n. B, . (16/18348-1, 16/21368-4)
COMBI, TATIANE; MONTONE, ROSALINDA CARMELA; CORADA-FERNANDEZ, CARMEN; LARA-MARTIN, PABLO A.; GUSMAO, JOAO BOSCO; DE OLIVEIRA SANTOS, MARCOS CESAR. Persistent organic pollutants and contaminants of emerging concern in spinner dolphins (Stenella longirostris) from the Western Atlantic Ocean. Marine Pollution Bulletin, v. 174, . (16/21368-4, 17/19160-9)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.