Busca avançada
Ano de início
Entree

Design process como ferramenta de inovação para a indústria criativa nos parques tecnológicos

Processo: 16/11169-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Desenho Industrial
Pesquisador responsável:Galdenoro Botura Junior
Beneficiário:Ekaterina Emmanuil Inglesis Barcellos
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Indústrias criativas   Processos de design   Parques tecnológicos   Inovação
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Design Process | industria criativa | Inovação | Metodologia de projeto | parques tecnológicos | Inovação

Resumo

A sociedade contemporânea, em constante mudança, apresenta a necessidade de movimentos rápidos, soluções corretas, produtos e serviços que a representem. O processo criativo do Design para a geração de novos produtos e serviços é baseado em pesquisas, métodos e resultados, e deve desenvolver a inovação que se busca atingir com o apoio do conhecimento científico, técnico e tecnológico da engenharia. Neste percurso, o processo criativo, que abrange desde a identificação de uma nova ideia até sua apresentação como produto final, deve ser determinado por uma metodologia estruturada. Nessa elaboração há diversas propostas, denominadas "Design Process", que apresentam-se como metodologias do processo criativo. Utilizadas pelo Design, encontram raízes na engenharia, onde igualmente se trabalha o projeto em etapas, da concepção até o produto final. Baseado em referenciais que indicam afinidades, o propósito deste estudo é inicialmente fazer uma análise comparativa entre os modelos metodológicos do "Design Process", utilizados pelo Design e pela engenharia, buscando elucidar os pontos tangentes e comuns entre ambos. Posteriormente, a investigação verificará quais concepções vêm sendo aplicadas pela indústria criativa, e inseridas nos ambientes dos Parques Tecnológicos e incubadoras, potencializando a inovação. Ao identificar suas ações, resultados e modelos, o projeto objetiva propor formas de otimizar seu uso e aumentar sua eficiência na geração de inovação. Por fim, atualizará a abordagem dessa metodologia, a ser utilizada e aplicada por iniciativas de Parques Tecnológicos, e estendida a Centros de Inovação, Aceleradoras e Incubadoras, empresas e instituições de interesse e capacidade inovadora. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BARCELLOS, Ekaterina Emmanuil Inglesis. Metodologia de Design para geração de inovação. 2020. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Arquitetura. Artes. Comunicação e Design. Bauru Artes.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.