Busca avançada
Ano de início
Entree

Construção e avaliação do impacto de um programa de ensino metatextual para desenvolver a narrativa escrita de estudantes com deficiência intelectual

Processo: 16/00146-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2016
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Jáima Pinheiro de Oliveira
Beneficiário:Ana Paula Zaboroski Oleinik
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Assunto(s):Educação especial   Deficiência intelectual

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo geral verificar a eficácia de um programa de ensino metatextual, implementado por professoras do Atendimento Educacional Especializado (AEE), para a produção de narrativas escritas pelos estudantes com deficiência intelectual. Os objetivos específicos consistem em: 1) identificar, junto aos professores do AEE e da sala comum, os recursos pedagógicos e as estratégias de ensino utilizadas para trabalhar a produção de narrativas escritas com os estudantes; 2) apresentar, orientar e implementar as estratégias metatextuais do programa de ensino, com as professoras do AEE, que sejam estímulos e consequências efetivas para a produção de narrativas escritas pelos estudantes com deficiência intelectual; 3) verificar a ocorrência da generalização da produção de narrativas escritas por estes estudantes no contexto da sala comum. Farão parte desta pesquisa três estudantes com deficiência intelectual, duas professoras responsáveis pelo AEE destes estudantes e seus respectivos professores da sala comum. Esta pesquisa será desenvolvida nas dependências de uma escola pública municipal de uma cidade do interior do Estado do Paraná, na qual é ofertado o serviço de AEE. A pesquisa será caracterizada pelo delineamento experimental linha de base múltipla intrassujeitos associada ao critério móvel. A identificação, junto aos professores do AEE e da sala comum, dos recursos pedagógicos e das estratégias de ensino utilizadas para trabalhar a produção de narrativas escritas com os estudantes com deficiência intelectual será realizada por meio de entrevista e observação da prática pedagógica. O programa de ensino metatextual será apresentado e orientado às professoras do AEE pela pesquisadora durante três encontros de estudo. A implementação do programa de ensino será caracterizada pelo delineamento experimental linha de base múltipla intrassujeitos associada ao critério móvel. Após a estabilização da linha de base será iniciada a implementação do programa de ensino (condição experimental). Esta pesquisa será constituída por quatro subfases, correspondentes aos elementos que compõem a história: cenário, tema, enredo e resolução. Cada subfase corresponde a um valor (pontuação) da narrativa escrita produzida pelos estudantes, estabelecido como critério de desempenho. Assim, cada subfase terá um critério de desempenho específico exigido como condição para avançar para a subfase seguinte. O desempenho nas narrativas escritas observado em cada estudante será acompanhado nas condições controle (linha de base) e experimental (programa de ensino) da pesquisa. A linha de base será constituída por investigações do domínio do esquema de narrativa escrita dos estudantes com deficiência intelectual referente à estrutura e à organização das histórias. A análise das narrativas escritas dos estudantes envolverá a análise da presença ou ausência dos elementos que compõem a estrutura e a organização da história e a classificação das narrativas escritas de acordo com os elementos. O programa de ensino envolverá estratégias metatextuais e será dividido em quatro subfases correspondentes aos elementos que constituem uma história: 1) cenário; 2) tema; 3) enredo e, 4) resolução. Este programa de ensino será implementado pelas professoras atuantes no AEE com três estudantes com deficiência intelectual. A pesquisadora acompanhará a implementação do programa de ensino por meio de filmagens e anotações de campo. Para a verificação da ocorrência da generalização da produção de narrativas escritas por estes estudantes no contexto da sala comum será utilizada a técnica follow up, após um mês do término da implantação do programa de ensino metatextual para cada estudante com deficiência intelectual. Nas dependências da sala comum, juntamente com todos os estudantes da turma, a pesquisadora solicitará a todos que escrevam uma história, nas mesmas condições de realização da linha de base.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
OLEINIK, Ana Paula Zaboroski. Construção e avaliação do impacto de um programa de ensino metatextual para desenvolver a narrativa escrita de estudantes com deficiência intelectual. 2020. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Filosofia e Ciências. Marília Marília.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.