Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise comparativa do papel do gene supressor de tumor RECK na sub-população de células-tronco tumorais de GBM e em precursores neurais normais.

Processo: 15/26328-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2016
Vigência (Término): 30 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Mari Cleide Sogayar
Beneficiário:Marina Trombetta Lima
Instituição Sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/18277-7 - Análise do papel do gene supressor de tumor Reck em divisões celulares assimétricas, BE.EP.PD
Assunto(s):Células-tronco   Glioblastoma   Metaloproteinases da matriz   Neoplasias
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:câncer | Células-tronco | glioblastoma multiforme | MMPs | Reck | Câncer, células-tronco

Resumo

O Glioblastoma multiforme (GBM) é o tipo de tumor mais comum e letal do sistema nervoso central. As células-tronco tumorais de GBM (GSCs) representam o estado mais indiferenciado e agressivo das células de GBM, sendo postulado que são as responsáveis pela após a terapia padrão. A complexa heterogeneidade intra-tumoral de GBMs evidencia a contribuição de diferentes tipos celulares, como as células-tronco neurais e seus derivados na gênese deste tumor. A proteína RECK canônica suprime a invasão celular, angiogênese e metástase, porém seu mecanismo de ação não é totalmente claro. Para entender a complexidade dos padrões de expressão de Reck, suas variantes geradas por splicing alternativo foram isoladas e caracterizadas em nosso grupo, tendo sido observado que o balanço entre a expressão destes transcritos apresenta potencial informativo para o prognóstico de GBM. Surpreendentemente, o estudo funcional de uma das variantes, RECK-B, sugere que esta isoforma apresenta atividade pró-oncogênica. A depleção de Reck leva à neurodiferenciação precoce durante o desenvolvimento embrionário através da modulação da via de Nocht, e sua expressão é maior no giro denteado murino adulto, dando origem a hipóteses sobre o papel de RECK na manutenção do estado indiferenciado de células-tronco neurais (NSCs-neural stem cells) ou no comprometimento para diferentes vias de diferenciação. Através de meta-análise, nossos resultados preliminares mostram que a expressão de Reck, sem distinção entre a representatividade de suas variantes, é inesperadamente maior em células tumorais CD133+. Neste contexto, a proposta deste trabalho é avaliar a influência de RECK e RECK-B em NSCs normais e seus derivados, no processo tumorigênico de GBMs e, conseqüentemente, no comportamento de GSCs.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (7)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ASSIS-RIBAS, THAIS; FORNI, MARIA FERNANDA; BROCHADO WINNISCHOFER, SHEILA MARIA; SOGAYAR, MARI CLEIDE; TROMBETTA-LIMA, MARINA. Extracellular matrix dynamics during mesenchymal stem cells differentiation. Developmental Biology, v. 437, n. 2, p. 63-74, . (15/26328-8, 16/05311-2, 16/22298-0, 16/18277-7, 15/25776-7)
SPINDOLA, ADAUTO; TARGA, ADRIANO D. S.; RODRIGUES, LAIS SOARES; WINNISCHOFER, SHEILA MARIA BROCHADO; LIMA, MARCELO M. S.; SOGAYAR, MARI CLEIDE; TROMBETTA-LIMA, MARINA. Increased Mmp/Reck Expression Ratio Is Associated with Increased Recognition Memory Performance in a Parkinson's Disease Animal Model. Molecular Neurobiology, v. 57, n. 2, p. 837-847, . (16/18277-7, 16/05311-2, 15/26328-8)
MOREIRA FRANCO, YOLLANDA E.; ALVES, MARIA JOSE; UNO, MIYUKI; MORETTI, ISABELE FATTORI; TROMBETTA-LIMA, MARINA; DE SIQUEIRA SANTOS, SUZANA; DOS SANTOS, ANCELY FERREIRA; ARINI, GABRIEL SANTOS; BAPTISTA, MAURICIO S.; LERARIO, ANTONIO MARCONDES; et al. Glutaminolysis dynamics during astrocytoma progression correlates with tumor aggressiveness. CANCER & METABOLISM, v. 9, n. 1, . (13/02162-8, 20/02988-7, 15/26328-8, 01/12898-4, 13/07937-8, 04/12133-6)
MORETTI, ISABELE F.; LERARIO, ANTONIO M.; TROMBETTA-LIMA, MARINA; SOLA, PAULA R.; SOARES, ROSELI DA SILVA; OBA-SHINJO, SUELI M.; MARIE, SUELY K. N.. Late p65 nuclear translocation in glioblastoma cells indicates non-canonical TLR4 signaling and activation of DNA repair genes. SCIENTIFIC REPORTS, v. 11, n. 1, . (13/02162-8, 01/12898-4, 16/14695-9, 15/26328-8, 04/12133-6, 14/50137-5)
TROMBETTA-LIMA, MARINA; ROSA-FERNANDES, LIVIA; ANGELI, CLAUDIA B.; MORETTI, ISABELE F.; FRANCO, YOLLANDA M.; MOUSESSIAN, ADALIANA S.; WAKAMATSU, ALDA; LERARIO, ANTONIO M.; OBA-SHINJO, SUELI M.; PASQUALUCCI, CARLOS A.; et al. Extracellular Matrix Proteome Remodeling in Human Glioblastoma and Medulloblastoma. JOURNAL OF PROTEOME RESEARCH, v. 20, n. 10, p. 4693-4707, . (14/06863-3, 16/14695-9, 15/26328-8)
JACOMASSO, THIAGO; RIBAS, HENNRIQUE TABORDA; TROMBETTA-LIMA, MARINA; KONIG, MICHELLE SILBERSPITZ; TRINDADE, EDVALDO SILVA; MARTINEZ, GLAUCIA REGINA; SOGAYAR, MARI CLEIDE; WINNISCHOFER, SHEILA MARIA BROCHADO. The alternatively spliced RECK transcript variant 3 is a predictor of poor survival for melanoma patients being upregulated in aggressive cell lines and modulating MMP gene expression in vitro. Melanoma Research, v. 30, n. 3, p. 223-234, . (16/18277-7, 08/53971-5, 16/05311-2, 15/26328-8)
TROMBETTA-LIMA, MARINA; ASSIS-RIBAS, THAIS; CINTRA, RICARDO C.; CAMPEIRO, JOANA D.; GUERREIRO, JULIANO R.; WINNISCHOFER, SHEILA M. B.; NASCIMENTO, ISIS C. C.; ULRICH, HENNING; HAYASHI, MIRIAN A. F.; SOGAYAR, MARI C.. Impact of Reck expression and promoter activity in neuronal in vitro differentiation. MOLECULAR BIOLOGY REPORTS, v. 48, n. 2, . (18/20014-0, 16/05311-2, 18/07366-4, 14/50891-1, 19/13112-8, 15/26328-8, 16/18277-7, 12/50880-4, 17/02413-1)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.