Busca avançada
Ano de início
Entree

Exercício físico como um sincronizador dos ritmos circadianos no câncer

Processo: 15/16777-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Educação Física
Pesquisador responsável:José Cesar Rosa Neto
Beneficiário:Alexandre Abilio de Souza Teixeira
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/24187-6 - Efeitos do exercício físico ao longo da vida e sua relação com a imunidade e o ritmo circadiano, BE.EP.DR
Assunto(s):Metabolismo   Músculo esquelético   Tecido adiposo   Neoplasias   Biologia celular   Exercício físico   Cronobiologia   Sistema musculoesquelético

Resumo

O câncer está entre as principais causas de morbidade e mortalidade no mundo. As causas para a formação dessa massa tumoral pode ser por um determinante genético, no entanto, o estilo de vida parece ser o principal contribuinte para isso. Oscilações diárias comportamentais, metabólicas e fisiológicas são acionadas por um relógio circadiano endógeno. Este relógio circadiano endógeno muitas vezes pode sofrer influencias externa, do meio ambiente. Na sociedade moderna, as mudanças no estilo de vida, levam a uma interrupção frequente da homeostase circadiana endógena, proporcionando um aumento no risco de várias doenças, incluindo o câncer. Estudos evidenciam que a proliferação celular anormal, que é característico das células tumorais está intimamente relacionada com o ritmo circadiano e a regulação do metabolismo celular. Apesar das evidências entre alterações do ritmo circadiano e tumorigênese, os mecanismos moleculares subjacentes a este efeito continuam a ser mal compreendido. O exercício físico pode alterar os ritmos circadianos, e tendo em conta que, o próprio afeta todos os tecidos e sistemas do corpo humano, interagindo em um sistema de modulação psiconeuroimunoendócrino e que as alterações no equilíbrio desse sistema durante doenças crônicas, tais como o câncer, promovem uma deturpação do ritmo circadiano. Um programa regular de exercício físico pode ser uma intervenção útil e de baixo custo como estratégia para melhorar a qualidade de vida de pacientes e sobreviventes do câncer. Portanto, o nosso objetivo é avaliar se os mecanismos envolvidos na inibição do crescimento tumoral pelo treinamento físico podem estar correlacionados com o papel cronomarcador do exercício físico. Além disso, determinar se os marcadores gênicos de ritmo circadiano no tumor e nos tecidos periféricos podem ser modulados pelo horário do treinamento físico. Serão utilizados camundongos da linhagem background C57BL/6J (WT) e os animais serão divididos em 3 grupos: grupo controle; grupo tumor; grupo tumor + exercício físico. Haverá uma subdivisão dos grupos e os animas treinarão em três períodos diferentes: 8 horas, 20 horas e um grupo treinará em horários variados durante a semana (8 da manhã na segunda feira - 12 horas na terça-feira - 16 horas na quarta-feira - 20 horas na quinta-feira - 24 horas na sexta-feira). Os animais serão submetidos ao treinamento aeróbio após uma semana da inoculação do tumor. Serão realizadas 2 semanas de treino compreendendo 5 seções de treino por semana de 40 a 60 minutos, nas quais os animais deverão correr à uma velocidade correspondente a 60% da velocidade máxima. Para analisar as alterações circadianas, os animais serão eutanasiados a cada 4 horas do dia (8 h, 12 h, 16 h, 20, 00 h e 4 h). No músculo esquelético, tecido adiposo, fígado e no tecido tumoral realizaremos a expressão gênica dos clock genes, de fatores envolvidos no metabolismo oxidativo, dos fatores inflamatórios e no ciclo celular e expressão proteica das citocinas inflamatórias.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE SOUZA TEIXEIRA, ALEXANDRE ABILIO; LIRA, FABIO SANTOS; ROSA-NETO, JOSE CESAR. Aging with rhythmicity. Is it possible? Physical exercise as a pacemaker. Life Sciences, v. 261, NOV 15 2020. Citações Web of Science: 0.
TEIXEIRA, ALEXANDRE ABILIO S.; BIONDO, LUANA AMORIM; SILVEIRA, LOREANA S.; LIMA, EDSON A.; BATATINHA, HELENA A.; DINIZ, TIEGO A.; DE SOUZA, CAMILA OLIVEIRA; COMIN, JEFERSON; ROSA NETO, JOSE CESAR. Doxorubicin modulated clock genes and cytokines in macrophages extracted from tumor-bearing mice. CANCER BIOLOGY & THERAPY, JAN 2020. Citações Web of Science: 0.
DE SOUZA TEIXEIRA, ALEXANDRE ABILIO; SOUZA, CAMILA O.; BIONDO, LUANA A.; SILVEIRA, LOREANA SANCHES; LIMA, EDSON A.; BATATINHA, HELENA A.; ARAUJO, ADRIANE PEREIRA; ALVES, MICHELE JOANA; HIRABARA, SANDRO MASSAO; CURI, RUI; ROSA NETO, JOSE CESAR. Short-term treatment with metformin reduces hepatic lipid accumulation but induces liver inflammation in obese mice. INFLAMMOPHARMACOLOGY, v. 26, n. 4, p. 1103-1115, AUG 2018. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.