Busca avançada
Ano de início
Entree

Formação e ressignificação do lugar: urbanização como fenômeno cultural

Processo: 15/17833-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 04 de janeiro de 2016
Vigência (Término): 03 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Jane Victal Ferreira
Beneficiário:Jane Victal Ferreira
Anfitrião: Vinicius Mariano de Carvalho
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-CAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: King's College London, Inglaterra  
Assunto(s):Lugar   Paisagem urbana   Urbanização

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo investigar os processos de urbanização como fenômeno cultural e a formação dos significados como resultado de projetos de requalificação urbana. Geralmente este fenômeno é analisado a partir das qualidades que determinam o "espírito do lugar" que por sua vez são concebidas como valor a ser preservado. Visando estudar a sua complexidade, interessa-nos investigá-lo quando se manifesta em contextos permeados de conteúdos negativos e comparar posturas distintas no tratamento na ressignificação urbana. Para isto analisaremos três locais da cidade de São Paulo onde se encontram conjuntos arquitetônicos que, por terem abrigado atividades voltadas aos maus-tratos em animais e humanos, se constituíram como pontos focais de significados negativos: o Matadouro da Vila Mariana, o edifício do DEOPS e a Penitenciária do Estado (Carandiru). Recentemente, estas áreas foram alvo de políticas públicas e os edifícios reconvertidos para abrigar programas culturais. Estes processos de ressignificação são pouco estudados principalmente quando os resultados não são favoráveis. Neste estudo pretende-se reconstituir o fluxo de formação dos significados urbanos percorrendo os fatos que deram origem à percepção de lugar tenebroso, examinar as manifestações populares e as ações do poder público bem como verificar em que medida estas intervenções foram capazes de abstrair ou incorporar as vivências de forma pacífica à memória coletiva, ou se permanecem como focos potenciais de conflito nos espaços públicos da cidade.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)