Busca avançada
Ano de início
Entree

Trajetórias laborais dos professores da educação básica: um estudo das condições de trabalho e da natureza das atividades profissionais dos egressos dos cursos de formação de professores nos Estados Unidos da América

Processo: 15/09631-9
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 16 de setembro de 2015
Vigência (Término): 15 de abril de 2016
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Claudia Barcelos de Moura Abreu
Beneficiário:Claudia Barcelos de Moura Abreu
Pesquisador Anfitrião: Judith Warren Little
Instituição Sede: Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Guarulhos , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of California, Berkeley (UC Berkeley), Estados Unidos  
Assunto(s):Condições de trabalho   Professores   Formação de professores
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Condições de trabalho | Conhecimentos profissionais | educação e trabalho | Trabalho Docente | Educação e Trabalho

Resumo

A pesquisa tem como objetivo analisar as trajetórias laborais de egressos de cursos de formação de professores para o ensino fundamental nos Estados Unidos - Elementary school. O estudo será composto por duas etapas; a primeira realizará a coleta de dados das condições de trabalho às quais os egressos dos cursos de formação de professores se submetem; a segunda etapa voltar-se-á à natureza do trabalho executado nas diferentes atividades realizadas pelos egressos no mundo do trabalho. Até o período de junho de 2015, os dados das duas etapas da pesquisa serão coletados no Brasil. Em seguida - a partir de agosto de 2015 e no âmbito das atividades de estágio pós-doutoral a serem realizadas na Universidade da Califórnia - os dados serão coletados nos Estados Unidos, com participantes a serem definidos pelo grupo de trabalho coordenado pela Prof.ª Dr.ª Judith Little. O objetivo do estudo é compreender em que medida as condições de trabalho e a mobilização dos conhecimentos científicos adquiridos no processo de formação inicial estruturam a vida laboral, com destaque para as dinâmicas que perpassam as condições de trabalho nos mais diferentes postos e esferas de abrangência (estatal, privada ou de organizações não governamentais) e as demandas de conhecimentos postas pela atividade laboral. O estudo também busca entender em que medida as trajetórias laborais desenvolvidas nos diferentes países apresentam especificidades e convergências e como tais características podem auxiliar no entendimento do objeto de investigação. Considera-se fundamental para o estabelecimento das categorias de análise dos dados coletados, as contribuições advindas do campo da educação e trabalho, levando em conta que as mudanças observadas no mundo do trabalho nas últimas décadas têm impactado as condições de trabalho e gerado novas demandas de formação aos trabalhadores de todos os setores da economia, obviamente com efeitos distintos quando segmentados os setores e as atividades laborais. Ademais, tomam-se como norte as ideias de Dejours (1993), que argumenta a necessidade de se buscar uma visão mais complexa sobre o trabalho, visto como atividade, assim como afirma ser necessário rever o posicionamento para o qual os trabalhadores se alinham "automaticamente" às normas e às prescrições advindas da estrutura econômica e social. Para desenvolver a pesquisa, reitera-se o uso de procedimentos metodológicos de natureza qualitativa na coleta dos dados. Para a primeira etapa da pesquisa, relativa aos tipos e condições de trabalho, será utilizado questionário e, após a organização dos dados coletados, serão elencados os critérios para a seleção da amostra, não probabilística, com característica de "totalidade heterogênea", capaz de garantir a seleção de representante de cada grupo. Dessa forma, os dados da segunda etapa da investigação serão coletados por meio de entrevistas e construção de um instrumento de campo, caderno de anotação, nos quais os sujeitos de pesquisa anotarão as atividades desenvolvidas ao longo de sua jornada de trabalho, visando à análise das demandas de conhecimentos postas pela atividade laboral e à articulação entre diferentes formas de conhecimento. Espera-se com essa pesquisa contribuir para a área da educação e trabalho, especificamente no que diz respeito ao trabalho dos egressos dos cursos de formação de professores dos países em tela. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)