Busca avançada
Ano de início
Entree

Screening de fármacos semelhantes a chalconas e curcuminas no modelo do Caenorhabditis elegans

Processo: 15/18745-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Helmintologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Fernanda de Freitas Anibal
Beneficiário:Yulli Roxenne Albuquerque
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Helmintologia   Anti-helmínticos   Protetores solares   Agentes terapêuticos   Caenorhabditis elegans   Curcumina   Chalconas   Albendazol   Nematicidas   Microscópio eletrônico
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:anti-helmíntico | C | Chalconas | curcuminas | elegans | Fármacos Anti-helmínticos

Resumo

A resistência a diversos fármacos anti-helmínticos já é observada em muitos animais infectados e poderá chegar a se tornar um grave problema de saúde humana em um futuro próximo. Compostos derivados de chalconas e curcuminas têm sido utilizados como uma excelente fonte de pesquisa para agentes terapêuticos inovadores. O objetivo deste trabalho é realizar uma avaliação da atividade anti-helmíntica de compostos sintéticos homólogos às chalconas e curcuminas no organismo modelo Caenorhabditis elegans. O nematódeo C. elegans será cultivado e mantido em meio NGM (Nematode Growth Medium) a 20ºC. Nematódeos adultos serão transferidos para placas de 24 poços contendo meio NGM, onde serão expostos, após 24h, a 40 µL de concentrações diferentes (25 µM, 50 µM, 100 µM, 200 µM, 300 µM, 400 µM e 500 µM) dos compostos sintéticos A1K2, A2K2, A8K2 e A11K2 e da curcumina. A atividade nematicida de cada droga será observada em estereo microscópio nos períodos de 6h, 24h, 30h e 48h após a aplicação das drogas, através da contagem de vermes que permaneceram vivos, observando a alteração na motilidade e o aparecimento de ovos e larvas dos vermes nos poços. Todos os testes serão realizados em triplicata. Será utilizado como controle negativo o solvente DMSO 10% (Dimetilsulfóxido) e como controle positivo o Albendazol 40 mg/ml. Os dados serão analisados através do programa estatístico SPSS-19® pelo teste ANOVA (Compare means) e o nível de significância será estabelecido em 5%.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALBUQUERQUE, YULLI R.; PRATAVIEIRA, SEBASTIAO; BAGNATO, VANDERLEI S.; INADA, NATALIA M.; SOUSA, LARISSA M.; AFONSO, ANA; SOUZA, CLOVIS W. O.; OLIVEIRA, KLEBER T.; ANIBAL, FERNANDA F.; KESSEL, DH; et al. Photodynamic inactivation using curcuminoids and Photogem (R) on Caenorhabditis elegans. OPTICAL METHODS FOR TUMOR TREATMENT AND DETECTION: MECHANISMS AND TECHNIQUES IN PHOTODYNAMIC THERAPY XXVII, v. 10476, p. 7-pg., . (15/18745-8, 09/54035-4, 13/07276-1, 14/50857-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.