Busca avançada
Ano de início
Entree

Desejos comodificados: dos classificados aos perfis nos aplicativos na busca por parceiros do mesmo sexo

Processo: 15/05623-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Richard Miskolci Escudeiro
Beneficiário:João Paulo Ferreira da Silva
Instituição Sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Sexualidade   Subjetivação   Mídia digital   Masculinidade   Desejo
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:desejo | Masculinidade | Mídias digitais | Sexualidade | subjetivação | Sexualidade

Resumo

Este projeto pretende analisar os critérios que são acionados na busca por parceiros amorosos e/ou sexuais entre homens em dois períodos diferentes: (a) antes do surgimento da epidemia de HIV-aids e do advento da internet pelo jornal Lampião da Esquina e (b) após a epidemia e expansão da internet comercial por meio do aplicativo Hornet®. A pesquisa, portanto, será estabelecida em dois momentos: (1º) por meio do jornal Lampião da Esquina - veiculado no Brasil na época do abrandamento da censura pelo regime militar - por meio das colunas "troca-troca" e "cartas na mesa" (de abril de 1978 a junho de 1981) e (2º) a partir de uma análise dos perfis atualmente buscados pelo aplicativo Hornet®, que tenham idades e residência equivalentes às encontradas nos anúncios do jornal. Como objetivo específico, o de aventar sobre o que mudou nas expectativas amorosas, sexuais e pessoais entre homens que buscam outros homens; como a busca de parceiros afetivos e/ou sexuais passou a articular desejos, mercado, trabalho, lazer e formas de subjetivação com novos ideais coletivos. Para tanto, pretendo investigar por meio das descrições feitas nas respectivas colunas (a) e aplicativo (b), as clivagens interseccionadas na busca (raça, etnia, geração, classe social, educação e localidade) bem como verificar os processos, mediações, rupturas e dilemas que modulam as expectativas amorosas e sexuais, sobretudo, pela centralidade do sex appeal e do corpo como elementos imbuídos por características socioeconômicas e culturais emergentes; guardadas as devidas proporções, ao que pesquisadores/as têm considerado em outros contextos como a "nova economia do desejo" ou "nova ecologia e arquitetura amorosa". A metodologia empregada consiste em análise documental e de perfis online. Para construir a reflexão teórica pretendida, articulam-se referências em estudos sobre mídias digitais, gênero e sexualidade. Refletir acerca das condições sociais e históricas que moldam a busca por parceiros em períodos diferentes e em gerações diferentes não somente marca o presente projeto como, também, cria elementos para pensar o quão transformadora é a relação entre sexualidade e tecnologia a partir da comodização da intimidade, na formação dos critérios de status e na constituição de espaços relacionais que organizam, segmentam, (in)visibilizam e dimensionam o desejo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JOÃO PAULO FERREIRA; KEIKA INOUYE; RICHARD MISKOLCI. Homens homossexuais idosos e de meia-idade nas mídias digitais: autodescrição, apoio social e qualidade de vida. Physis: Revista de Saúde Coletiva, v. 30, n. 2, . (13/22923-3, 15/05623-1)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.