Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigando o conceito de identidade nos livros de vestuário do Século XVI

Processo: 15/13164-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2015
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Fundamentos e Crítica das Artes
Pesquisador responsável:Luiz Cesar Marques Filho
Beneficiário:Larissa Sousa de Carvalho
Supervisor: Marzia Faietti
Instituição Sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Gabinetto Disegni e Stampe degli Uffizi, Itália  
Vinculado à bolsa:13/04251-8 - A iconografia dos 'livros de vestuário' cinquentistas na construção de identidades nacionais e a sua recepção, BP.DR
Assunto(s):História da arte   Nação   Renascimento   Identidade nacional
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Cinquecento | Identidade | Livros de vestuário | Nação | Renascimento | História da Arte

Resumo

Uma nova consciência global desponta durante o século XVI. Na segunda metade do Cinquecento encontramos um conjunto de publicações sobre o vestuário que ratificam essa percepção de um mundo expandido. Um repertório iconográfico foi criado a partir da repetição parcial desse conteúdo, sobretudo na Itália, França, Alemanha e Países-Baixos. Propomos averiguar, em onze obras selecionadas, como algumas identidades nacionais foram construídas nesse período. Vale lembrar a centralidade do vestuário em uma sociedade onde a aparência definia a essência do indivíduo. A identidade seria um elemento existente na superfície e, assim, facilmente manipulável e transgredido. Almejamos tencionar essa questão com a preocupação dos autores em caracterizar o estilo tradicional de cada nação antes que este fosse modificado, refletindo sobre a formação das identidades europeias, o conceito de "nação" e de "Europa" para além de um simples território. Por fim, trataremos da recepção a posteriori dessa iconografia, em especial para compreender a construção da noção de "vestuário renascentista" em manuais sobre a história da moda. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)