Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência do glaze fotopolimerizável na formação inicial do biofilme dentário sob a superfície de polímeros utilizados na confecção de próteses fixas provisórias intra-orais

Processo: 15/02777-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Daniela Micheline dos Santos
Beneficiário:Betina Chiarelo Commar
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais dentários   Prótese parcial fixa   Resinas compostas   Resinas acrílicas   Ciclagem térmica (odontologia)   Streptococcus sanguinis   Aderência bacteriana   Rugosidade   Técnicas microbiológicas

Resumo

Algumas condições da superfície de polímeros utilizados na confecção de próteses fixas provisórias intra-orais, como a rugosidade e energia de superfície, podem interferir na qualidade e estética dessas restaurações, propiciando a adesão de microorganismos. Deste modo, o presente estudo tem como objetivo avaliar a adesão do Streptococcus sanguinis na superfície de polímeros utilizados na confecção de próteses provisórias, com e sem a aplicação de glaze fotopolimerizável, sob a influência da termociclagem, tentando correlacionar as propriedades de rugosidade e energia de superfície com essa adesão. Para isso, serão confeciconadas amostras de resinas com diferentes composições, utilizadas na confecção de provisórios: resinas acrílicas RAAQ e RAAT, e resinas compostas de Bis-ACRIL e Bis-GMA. Serão confeccionadas 36 amostras para cada resina, sendo metade dessas amostras submetida ao polimento químico com glaze fotopolimerizável e a outra metade submetida somente ao polimento mecânico. Após esse procedimento, as amostras de cada resina avaliada, polidas pelos diferentes métodos, serão distribuídas aleatoriamente em grupos (n=9), com e sem termociclagem. O processo de termociclagem será realizado em uma termocicladora, na qual as amostras serão imersas em água destilada e submetidas a banhos alternados de 30 segundos à temperatura de 5±1°C e 55±1°C, totalizando 2000 ciclos. Todas as amostras serão submetidas aos ensaios de energia de superfície, rugosidade e análise microbiológica. Os dados obtidos de energia de superfície, rugosidade e análise microbiológica serão submetidos ao teste de aderência à curva normal, sendo aplicado teste estatístico apropriado para a comparação dos valores médios e, quando possível, correlacionar-se-ão os dados obtidos, para os diferentes ensaios, concluindo-se a análise.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DOS SANTOS, DANIELA MICHELINE; COMMAR, BETINA CHIARELO; FREITAS DA SILVA, EMILY VIVIANNE; RICARDO BARAO, VALENTIM ADELINO; MATOS, ADAIAS OLIVEIRA; GOIATO, MARCELO COELHO. Influence of a light-activated glaze on the adhesion of Streptococcus sanguinis to the surface of polymers used in fabrication of interim prostheses. JOURNAL OF INVESTIGATIVE AND CLINICAL DENTISTRY, v. 10, n. 4 NOV 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.