Busca avançada
Ano de início
Entree

Não se deve aprender latim com os gramáticos: estudo e tradução do discurso inaugural ad Grammaticam (1713), de Jacopo Facciolati

Processo: 14/26520-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Línguas Clássicas
Pesquisador responsável:Adriano Scatolin
Beneficiário:Felipe Augusto Neves Silva
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura latina   Língua grega clássica   Renascimento   Século XVII

Resumo

Com este projeto, visamos a um estudo, ainda que breve, do tratamento que a língua e a literatura latinas continuavam a receber até os séculos XVII e XVIII, sob a mesma luz que renascera mais de trezentos anos antes, no sentido de uma verdadeira revalorização dos estudos clássicos, como são chamados, e uma importante qualificação dos estudiosos e, por consequência, dos métodos e das pesquisas. Desse ponto de vista, pareceu-nos conveniente fazer um recorte mais preciso e, voltando-nos para uma das regiões de maior importância da Europa daqueles tempos, concentrar nossa atenção no religioso e erudito italiano Jacopo Facciolati (1682-1769), que havia completado seus estudos e fomentado os de muita gente em meio aos professores e aos livros do Seminário de Pádua. Com esse intuito, portanto, pretendemos analisar, traduzir e comentar o discurso inaugural daquele estudioso, que fora proferido no ano de 1711 e publicado em 1713 diante tanto das pessoas mais cultas e influentes do norte da Itália como dos jovens talentos promissores que ali se reuniam para o início de um novo ano acadêmico. Trata-se da Oratio ad Grammaticam, com a qual Facciolati buscou, por um lado, defender a importância e a relevância de se aprender latim com perfeição e, por outro lado, pensar nas formas mais simples e ao mesmo tempo mais eficientes para esse objetivo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)