Busca avançada
Ano de início
Entree

Aprimoramento de técnicas moleculares para o estudo de células tumorais utilizando o câncer de pulmão como modelo

Processo: 15/00831-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 16 de março de 2015
Vigência (Término): 18 de junho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Flávia Karina Delella
Beneficiário:Brenda de Carvalho Minatel
Supervisor no Exterior: Wan L. Lam
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Local de pesquisa: BC Cancer Agency's Vancouver Centre, Canadá  
Vinculado à bolsa:13/07107-5 - Expressão dos microRNAs 125b, 221 e 222 em células tumorais prostáticas LNCaP cultivadas com fibronectina, BP.IC
Assunto(s):Biologia celular   Biologia molecular   MicroRNAs   Cultura de células   Neoplasias

Resumo

O câncer é uma doença causada por alterações genéticas e epigenéticas que desregulam os processos de proliferação, diferenciação e apoptose. Muitos mecanismos responsáveis pelo desenvolvimento e progressão tumoral ainda são desconhecidos e os estudos in vitro têm sido uma ferramenta importante para a descoberta de vias moleculares envolvidas nestes processos, sendo tais descobertas cruciais para o desenvolvimento de novas estratégias diagnósticas e terapêuticas. Os microRNAs (miRNAs) são uma classe de RNAs não-codificantes com cerca de 17 a 25 nucleótideos de comprimento, os quais têm sido implicados na regulação de diversos processos biológicos por modularem pós-transcricionalmente a expressão gênica. No câncer, a expressão dos miRNAs é característica para cada tipo de tecido e estágio do tumor. Em geral, os miRNAs podem se apresentar super ou pouco expressos nas células tumorais. Quando super expressos podem agir como oncogenes ao apresentarem a capacidade de reprimir genes supressores tumorais ou genes relacionados com a apoptose; e, quando pouco expressos, atuam como supressores tumorais ao reprimirem a expressão de oncogenes ou genes associados com a proliferação celular.Pela primeira vez, o laboratório do Dr. Wan Lam descreveu um perfil de expressão de miRNAs em amostras fetais de pulmão humano. Neste estudo, a equipe do Dr. Lam detectou miRNAs que se encontram expressos em níveis semelhantes em amostras de pulmão fetal e no tecido pulmonar não maligno, os quais podem desempenhar papéis importantes na manutenção do tecido pulmonar, e também identificou vários miRNAs com padrões de expressão similares entre os tumores de pulmão e o pulmão fetal. Estes achados levam à identificação de vias envolvidas na proliferação celular e na angiogênese, as quais podem ter um papel crucial na tumorigênese e representam alvos terapêuticos ideais para o tratamento do câncer. Considerando a importância de modelos de cultura celular que se aproximam mais dos tecidos in vivo e do microambiente tumoral, este projeto visa permitir o aprendizado de novas técnicas que são extremamente importantes na pesquisa do câncer e que não são atualmente realizadas em nossa universidade, tais como ensaios de invasão, análises da viabilidade celular e proliferação, ensaios clonogênicos e ensaios de luciferase. Todas as técnicas acima descritas serão desenvolvidas durante o estágio internacional no laboratório do Dr. Wan Lam no BC Cancer Agency, o qual é especializado na pesquisa do câncer de pulmão. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)