Busca avançada
Ano de início
Entree

O transporte de mercadorias entre Pernambuco e Portugal: quantificação, hierarquias e grupos mercantis no Atlântico português (1755-1807)

Processo: 14/11038-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 31 de maio de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Moderna e Contemporânea
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Maximiliano Mac Menz
Beneficiário:Felipe Souza Melo
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/13763-8 - O Transporte de mercadorias entre Pernambuco e Portugal: quantificação, hierarquias e grupos mercantis no Atlântico Português (1755-1807), BE.EP.MS
Assunto(s):História econômica   Transporte marítimo   História do Século XVIII   Mercantilismo   Pernambuco   Portugal

Resumo

Este estudo toma como objeto central os transportadores que atuaram entre Pernambuco e Portugal na segunda metade do século XVIII, almejando-se identificar a sua hierarquia através das cargas transportadas. Identificando e hierarquizando esse grupo poderemos saber quais os agentes mercantis que comandavam o transporte e suas possíveis ramificações em outros grupos econômicos tanto metropolitanos como coloniais. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MELO, Felipe Souza. O negócio de Pernambuco: financiamento, comércio e transporte na segunda metade do século XVIII. 2017. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH/SBD) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.