Busca avançada
Ano de início
Entree

Aceleração do amadurecimento de biofiltros em areia

Processo: 14/12376-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Lyda Patricia Sabogal Paz
Beneficiário:Kalyl Gomes Calixto
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Tratamento de água   Filtros de areia   Água potável

Resumo

O biofiltro em areia - BFA tem sido utilizado em comunidades carentes ao redor do mundo em função de sua simplicidade e eficiência na remoção de parâmetros físico-químicos e microbiológicos. Apesar disso, ainda faltam estudos que ponderem o amadurecimento do biofiltro visando o rápido fornecimento de água potável. Autores como Earwaker (2006) e Stauberet al. (2009) indicaram que o amadurecimento do biofiltro é um parâmetro operacional fundamental para a aceitação da tecnologia pela comunidade. As chances de abandono aumentam em situações em que o usuário do BFA precisa esperar vários dias para a obtenção de água potável. O amadurecimento pode demorar dias, semanas ou até meses, sendo ainda mais crítico quando a fonte de abastecimento utilizada é subterrânea, isto pela ausência de alguns nutrientes essenciais para o desenvolvimento da camada biológica (schmutzdecke). Neste contexto, a iniciação científica pretende estudar o desempenho de um BFA em escala real quando, de forma controlada, ração de peixes alevinos é misturada à água de estudo. A hipótese a ser testada é se a ração em questão poderá criar condições necessárias para um desenvolvimento mais rápido da camada biológica. A ração será utilizada porque pode ser facilmente adquirida em comunidades isoladas do país. Para desenvolver o estudo, um BFA será operado em fluxo contínuo. O biofiltro está instalado no Laboratório de Pilotos do Departamento de Hidráulica e Saneamento da Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo - SHS/EESC/USP. A pesquisa permitirá ampliar os conhecimentos em relação aos BFAs visando sua posterior transferência a comunidades isoladas do Brasil. Ao longo do projeto artigos científicos serão publicados em revistas e congressos nacionais e internacionais.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CALIXTO, KALYL GOMES; SABOGAL-PAZ, LYDA PATRICIA; POZZI, ELOISA; CAMPOS, LUIZA CINTRA. Ripening of household slow sand filter by adding fish food. JOURNAL OF WATER SANITATION AND HYGIENE FOR DEVELOPMENT, v. 10, n. 1, p. 76-85, MAR 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.