Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo analítico-descritivo dos cursos de formação inicial e continuada de professores e licenciandos em sexualidade empregando as TIC

Processo: 13/15880-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia do Desenvolvimento Humano
Pesquisador responsável:Andreza Marques de Castro Leão
Beneficiário:Gabriella Rossetti Ferreira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/02284-1 - Estudo ANALÍTICO-DESCRITIVO da formação inicial e continuada de professores e profissionais da educação em sexualidade com recurso às TIC. um estudo comparativo das realidades do Brasil e de Portugal, BE.EP.MS
Assunto(s):Formação de professores   Educação sexual   Sexualidade   Educação a distância   Tecnologias da informação e comunicação

Resumo

Os professores e demais profissionais da educação tem mostrado uma lacuna na sua formação no que diz respeito às temáticas que envolvem a sexualidade e a educação sexual. Uma das maneiras de atender a essa necessidade é através do uso das Novas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), que dão suporte às comunidades virtuais de aprendizagem e propiciam meios e ferramentas que podem ajudar a sanar/amenizar a dificuldade de formação. A presente pesquisa objetiva analisar e conhecer por meio de documentação e através de entrevistas, a forma e os conteúdos desenvolvidos em cursos a distância com momentos presenciais, de formação de professores e profissionais da educação na área da sexualidade, fazendo a verificação de como estes cursos foram elaborados e implementados (efetivamente aplicados); a identificação de suas particularidades, objetivos e aspectos que foram trabalhados em cada um deles; analise de como a instituição interpreta os resultados obtidos; discussão da pertinência da forma e conteúdo do curso. Foi possível perceber que, esse tipo de formação não exclui a necessidade de que haja formação inicial, na própria graduação, com disciplinas que abordem conteúdos relativos à sexualidade humana, diversidade sexual, gênero. Todos os cursos se atentaram em entrelaçar os temas com a escola, o currículo e o PCN, o que facilita o trabalho em sala de aula, se aproxima da prática e faz com que os professores, e demais profissionais saibam trabalhar com seus alunos e alunas o tema da sexualidade em suas variadas formas e transversalmente. Essas iniciativas de formação em sexualidade e educação sexual, têm de fato contribuído para disseminar estes conteúdos nos diferentes estados brasileiros, porém, ainda são iniciativas, que por vezes, padecem da falta de continuidade e acompanhamento. Os cursos analisados foram pensados a partir da ótica de que as tecnologias quando usadas a favor da educação podem ajudar os professores e profissionais da educação a terem uma formação, tanto inicial quanto continuada no que se refere a sexualidade e a educação sexual. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FERREIRA, Gabriella Rossetti. Cursos de formação em educação sexual que empregam as tecnologias digitais. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Ciências e Letras. Araraquara Araraquara.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.