Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise cinemática do alcance com preensão em crianças com paralisia cerebral com idade entre 5 e 10 anos

Processo: 13/22510-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Eloisa Tudella
Beneficiário:Heloisa Corrêa Bueno Nardim
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Neuropediatria   Paralisia cerebral   Interseccionalidade   Dinamômetro de força muscular   Cinemática   Crianças   Estudos experimentais
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:alcance com preensão | cinematica | criança | paralisia cerebral | Neuropediatria

Resumo

Objetivo: Analisar as variáveis cinemáticas do movimento de alcance com preensão em crianças com paralisia cerebral com idade entre 5 e 10 anos. Métodos: integrarão este estudo crianças com idade entre 5 e 10 anos, divididas em dois grupos: o grupo controle composto por crianças típicas e o grupo experimental composto por crianças com paralisia cerebral. O estudo será subdividido em duas etapas: Primeira etapa: serão coletados dados concernentes a força muscular, realizada por meio de testes musculares manuais, e a força de preensão, obtida pelo dinamômetro manual. Segunda etapa: serão coletados dados referentes à avaliação cinemática do movimento de alcance com preensão. Para a aquisição dos dados cinemáticos serão utilizados marcadores reflexivos fixados no processo estilóide do rádio, no polegar e no indicador da mão de preferência da criança, sendo requerida à criança por meio de comandos e incentivos verbais a ação de alcançar o objeto, culminando na preensão do mesmo. Resultados Esperados: Presume-se com este estudo, encontrar intersecções entre os dados cinemáticos e as demais variáveis, tais como força muscular e de preensão bem como predizer especificidades cinemáticas concernentes ao grupo de crianças com PC. Enseja-se que os dados obtidos, possam ser extrapolados para prática clínica, empregando-se novas visões de tratamento para o progresso do quadro da criança.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)