Busca avançada
Ano de início
Entree

Aprimoramento dos valores de referência do IMC para a classificação do estado nutricional em uma amostra da população brasileira

Processo: 12/15944-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Análise Nutricional de População
Pesquisador responsável:Alceu Afonso Jordão Junior
Beneficiário:Mirele Savegnago Mialich Grecco
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Composição corporal   Nutrição clínica   Índice de massa corporal   Impedância bioelétrica

Resumo

Introdução: a obesidade é definida como o excesso de tecido adiposo e o IMC é um dos métodos mais utilizados para o seu diagnóstico. Entretanto, ele não consegue diferenciar tecido adiposo de massa magra. Assim, estudos recentes propõe novas propostas de índices de adiposidade além de também considerarem a necessidade de se definir novos pontos de corte para o IMC tradicional para detecção precoce de sobrepeso e/ou obesidade. Objetivo: aprimorar os pontos de referencia do IMC tradicional para classificação do estado nutricional, especialmente de sobrepeso/obesidade, em uma amostra da população brasileira. Casuística e Métodos: será realizado um estudo transversal com 1000 indivíduos, de ambos os gêneros, adultos, sendo voluntários saudáveis coletados entre alunos, funcionários, pacientes e acompanhantes do campus da Universidade de São Paulo (USP) e do Hospital das Clínicas, ambos em Ribeirão Preto. Será realizado um contato prévio com os indivíduos para posterior agendamento da avaliação, na qual serão aferidos peso (Kg) e estatura (m) para que posteriormente possam ser propostos novos pontos de corte do IMC para detecção de sobrepeso/obesidade. Será considerada uma subamostra destes indivíduos (n=300), os quais serão submetidos, além da aferição de peso e estatura, a medida de circunferência da cintura (CC), circunferência do quadril (CQ) e ao exame de impedância bioelétrica (BIA), os quais irão possibilitar o cálculo de índices de adiposidade (IMC, BMIfat, BAI, ABSI) para o estabelecimento de comparações entre o desempenho diagnóstico destes índices nesta amostra de estudo. Os indivíduos deverão estar há, no mínimo, 5 horas em jejum e serão avaliados somente 1 vez no estudo e por um grupo de examinadores treinados. Para as análises estatísticas referentes à definição dos novos pontos de corte do IMC tradicional será utilizada a análise de regressão linear simples e para as análises sobre o desempenho diagnóstico dos índices de adiposidade serão construídas curvas ROC e calculados valores de sensibilidade, especificidade, valores preditivos com seus respectivos IC95%. As análises estatísticas utilizarão o programa SAS versão 9, sendo p < 0,05 aceito como significância estatística. Resultados Esperados: é esperado encontrar propostas de pontos de corte para o IMC clássico inferiores aos pontos de referencia tradicionalmente adotados pela OMS, além de se esperar que os novos índices de adiposidade propostos recentemente na literatura científica apresentem uma superioridade na capacidade diagnóstica em relação ao IMC tradicional para a detecção de sobrepeso/obesidade nesta amostra estudada.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DA SILVA, BRUNA RAMOS; MIALICH, MIRELE SAVEGNAGO; ALBUQUERQUE DE PAULA, FRANCISCO JOSE; JORDAO, ALCEU AFONSO. Comparison of new adiposity indices for the prediction of body fat in hospitalized patients. NUTRITION, v. 42, p. 99-105, OCT 2017. Citações Web of Science: 1.
SILVA, BRUNA RAMOS; MIALICH, MIRELE SAVEGNAGO; HOFFMAN, DANIEL J.; JORDAO JUNIOR, ALCEU AFONSO. BMI, BMIfat, BAI or BAIFeIs - Which is the best adiposity index for the detection of excess weight?. NUTRICION HOSPITALARIA, v. 34, n. 2, p. 389-395, MAR-APR 2017. Citações Web of Science: 3.
MIALICH, MIRELE SAVEGNAGO; DOS SANTOS, ANDRE PEREIRA; DA SILVA, BRUNA RAMOS; ALBUQUERQUE DE PAULA, FRANCISCO JOSE; JORDAO, ALCEU AFONSO; NAVARRO, ANDERSON MARLIERE. Relationship Between Adiposity Indices, Lipodystrophy, and Sarcopenia in HIV-Positive Individuals With and Without Lipodystrophy. JOURNAL OF CLINICAL DENSITOMETRY, v. 20, n. 1, p. 73-81, JAN-MAR 2017. Citações Web of Science: 5.
BRUNA RAMOS-SILVA; MIRELE SAVEGNAGO-MIALICH; DANIEL J.-HOFFMAN; ALCEU-AFONSO JORDAO-JUNIOR. BMI, BMIfat, BAI or BAIFels - Which is the best adiposity index for the detection of excess weight?. NUTRICION HOSPITALARIA, v. 34, n. 2, p. -, Abr. 2017.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.