Busca avançada
Ano de início
Entree

Barreiras e inibições ao gesto criador do intérprete flamenco

Processo: 12/25214-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Dança
Pesquisador responsável:Cássia Navas Alves de Castro
Beneficiário:Cristina Santaella Braga da Hora
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Psicanálise   Corpo

Resumo

Se as técnicas existem para auxiliar a execução do trabalho do bailarino em seu processo de criação, elas devem funcionar como um itinerário para se apreender como o processo criador se dá quando bailaores e bailaoras, como são conhecidos os bailarinos do flamenco, colocam seu corpo em movimento. Entretanto, não se tem a garantia de que esse processo criador, de fato, se realize. Por que alguns bailaores e bailaoras conseguem incorporar o gesto criador em cena e outros não? Embora tenham adquirido a técnica necessária, quais são as possíveis barreiras ou inibições que se interpõem, impedindo que o processo criador se efetive? Estudos teóricos e laboratoriais de dança flamenca realizados no mestrado nos forneceram indicadores de que, embora se manifestem na expressão corporal do movimento, essas barreiras e inibições podem ser psíquicas. Para dar prosseguimento à pesquisa na direção desses indicadores, este projeto partirá do estudo realizado por Bonfitto (2011) de alguns teóricos do teatro que refletiram sobre o processo criador do ator e da obra de Lobo e Navas (2003, 2008) acerca do trabalho de criação corporal com bailarinos em cena, que se utilizou de alguns autores também estudados por Bonfitto. O ponto fundamental da pesquisa que propomos encontra-se na expansão da obra de Lobo e Navas em conceitos psicanalíticos que lhe são intrínsecos e que parecem capazes de explicitar o modo como barreiras e inibições psíquicas podem agir sobre o corpo, no caso, o corpo que dança. A par desse percurso de teor teórico, o projeto visa realizar entrevistas com bailaores e bailaoras do flamenco que reconhecidamente incorporam o gesto criador. O confronto das conclusões teóricas com os resultados das entrevistas devem fornecer respostas para a questão levantada por este projeto de pesquisa.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)