Busca avançada
Ano de início
Entree

Análises eletromiográfica, da força de mordida e da eficiência dos ciclos mastigatórios em pacientes submetidos a expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente

Processo: 13/19080-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Pesquisador responsável:Cassio Edvard Sverzut
Beneficiário:Paulo Guilherme Batista Coelho Junior
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Cirurgia bucomaxilofacial   Sistema estomatognático   Força de mordida   Dinamômetro de força muscular   Eficiência mastigatória   Eletromiografia
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Deficiência transversal da maxila | Eficiência mastigatória | eletromiografia | Expansão Maxilar | Força de mordida | Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial

Resumo

A deficiência transversal da maxila é um fator agravante e complicador do tratamento ortodôntico em indivíduos adultos. Este estudo tem o objetivo de avaliar a recuperação funcional de 30 (trinta) indivíduos adultos submetidos ao tratamento da deficiência transversal da maxila com a expansão rápida da maxila assistida cirurgicamente (ERMAC), por meio da análise eletromiográfica, força de mordida e eficiência dos ciclos mastigatórios, antes da cirurgia, 1 mês, 3 meses, 6 meses e 1 ano após a realização da ERMAC. Será realizada a captação: dos registros eletromiográficos obtidos a partir dos músculos masseteres e temporais em repouso e condições excursivas mandibulares; da força de mordida por meio de dinamômetro digital na região dos molares e da eficiência dos ciclos mastigatórios pelo envoltório linear do sinal eletromiográfico na mastigação habitual e não habitual. Para todas as comparações será utilizado o SPSS versão 19.0 (SPSS Inc.; Chicago, IL, USA) e as diferenças serão consideradas significantes quando p d 0,05. Os resultados deste estudo poderão contribuir para a melhoria no atendimento dos pacientes submetidos a ERMAC, avaliando ao longo do tempo o efeito deste procedimento no sistema estomatognático.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)