Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da reprogramação do quinoma e da expressão de microRNAs de células de melanoma em resposta ao mímico do microRNA 34ª

Processo: 12/25402-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2013
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Pesquisador responsável:Carmen Veríssima Ferreira
Beneficiário:Rodrigo Teodoro Cartaxo
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Transdução de sinais   Melanoma   MicroRNAs

Resumo

Aquisição de resistência, agressividade e evasão imunológica são fatores limitantes da eficiência da terapia do melanoma. Desta forma, a identificação de um novo candidato com potencial terapêutico, bem como a definição molecular do seu mecanismo de ação pode contribuir para o desenvolvimento de protocolos terapêuticos mais eficientes e que propiciem uma melhor condição de vida ao paciente. Recentemente, observamos que células de melanoma humano, transfectadas com o mímico do miR-34a, apresentaram diminuição da taxa de proliferação a qual foi acompanhada por um aumento da expressão de proteínas associadas com morte celular. Uma vez que em células tumorais normalmente proteínas quinases encontram-se constitutivamente ativas, nossa hipótese é que o efeito do miR-34a sobre as células de melanoma possa estar relacionado com a modulação de quinases. Portanto, o principal objetivo da presente proposta é definir o perfil quinoma das células de melanoma transfectadas com o mímico miR-34a. Nosso grupo de pesquisa tem utilizado a técnica do Pepchip para estudar, de forma global, a modulação de quinases em processos celulares tais como osteogênese, diferenciação celular e resistência tumoral. Desta forma, este tipo de abordagem permite não somente definir o mecanismo molecular de um efeito biológico, mas também predizer possíveis efeitos colaterais de um candidato a fármaco. Portanto, a presente proposta poderá gerar novas informações sobre a biologia do melanoma, bem como fornecer bases moleculares sobre o papel do miR-34a como supressor do melanoma.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)