Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de degradação de antibióticos em concentração traço por processos foto-oxidativos

Processo: 12/14889-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Antonio Carlos Silva Costa Teixeira
Beneficiário:Ana Paula dos Santos Batista
Instituição Sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/05041-7 - Contribuição fotoquímica de espécies reativas na degradação de poluentes orgânicos usando simulador solar e radiação gama, BE.EP.PD
Assunto(s):Tratamento de águas residuárias   Extração em fase sólida   Antibióticos   Processos oxidativos avançados
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Antibióticos | concentrações traço | Extração em fase sólida | Processos Oxidativos Avançados | Tratamento de Efluentes | Processos avançados de tratamento de efluentes aquosos

Resumo

Embora resíduos antibióticos sejam encontrados em baixas concentrações, alguns estudos relatam a promoção de organismos patogênicos mais resistentes à ação bacteriana. Portanto, faz-se necessário o estudo e a avaliação de processos que promovam a degradação desse contaminante emergente. Nesse contexto, este projeto tem por objetivo estudar a degradação de antibióticos e de seus resíduos, por processos oxidativos avançados (H2O2/UV e foto-Fenton). O monitoramento da concentração dos antibióticos e a identificação de seus intermediários de degradação serão realizados por cromatografia líquida de alta eficiência aclopada à espectrometria de massas (LC-MS). A remoção da matéria orgânica será avaliada por análises de Carbono Orgânico Total (COT). Considerando que os processos de degradação dos antibióticos serão realizados em meio aquoso em diversos níveis de concentração, neste trabalho será empregada pré-concentração por meio de extração em fase sólida (SPE). Rotas de degradação dos antibióticos durante reação via ataque por HO* serão propostas. Pretende-se estabilizar espécies de ferro na presença de surfactantes bio-orgânicos (BOS) durante foto-oxidação dos antibióticos por meio da reação foto-Fenton, permitindo o descarte dessa solução sem necessidade de ajuste prévio de pH. Esse projeto de pesquisa também tem como desdobramento o intercâmbio e abertura de novas linhas de pesquisa comuns entre Centro de Engenharia de Sistemas Químicos (CESQ/PQI-EPUSP) e Universidade da Califórnia, a partir da realização de estágio no exterior da pesquisadora, contribuindo também para sua inserção internacional.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BATISTA, ANA PAULA S.; TEIXEIRA, ANTONIO CARLOS S. C.; COOPER, WILLIAM J.; COTTRELL, BARBARA A.. Correlating the chemical and spectroscopic characteristics of natural organic matter with the photodegradation of sulfamerazine. WATER RESEARCH, v. 93, p. 20-29, . (13/05041-7, 12/14889-7)
BATISTA, ANA PAULA S.; PIRES, FLAVIO CHIQUETTO C.; TEIXEIRA, ANTONIO CARLOS S. C.. Photochemical degradation of sulfadiazine, sulfamerazine and sulfamethazine: Relevance of concentration and heterocyclic aromatic groups to degradation kinetics. JOURNAL OF PHOTOCHEMISTRY AND PHOTOBIOLOGY A-CHEMISTRY, v. 286, p. 40-46, . (12/14889-7)
BATISTA, ANA PAULA S.; PIRES, FLAVIO CHIQUETTO C.; TEIXEIRA, ANTONIO CARLOS S. C.. The role of reactive oxygen species in sulfamethazine degradation using UV-based technologies and products identification. JOURNAL OF PHOTOCHEMISTRY AND PHOTOBIOLOGY A-CHEMISTRY, v. 290, p. 77-85, . (12/14889-7)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.