Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil e estabilidade dos compostos bioativos da polpa de uvaia (Eugenia pyriformis Cambess) submetida ao processo de irradiação

Processo: 12/24320-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Marta Helena Fillet Spoto
Beneficiário:Anaíle dos Mares Biazotto
Instituição Sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Processamento de alimentos   Irradiação de alimentos   Pasteurização   Antioxidantes   Myrtaceae   Uvaia
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Antioxidantes | irradiação | Mata Atlântica | Myrtaceae | Pasteurização | processamento | Frutas e Hortaliças

Resumo

Dentre as espécies nativas brasileiras, a Família Myrtaceae, uma das mais importantes em riqueza de espécies da Mata Atlântica, possui uma infinidade de frutos que devem ser melhor caracterizados por apresentarem compostos interessantes para a dieta alimentar, como os antioxidantes. A uvaieira é uma árvore nativa da Mata Atlântica que possui frutos com elevado potencial para preparação de polpas, geléias, sorvetes e sucos em geral, além de ser matriz para compostos bioativos como a Vitamina C e carotenóides. Frente aos avanços tecnológicos e informações ainda insuficientes a respeito das frutas nativas, são necessários novos estudos sobre os compostos bioativos, sua conservação e, conseqüentes benefícios à saúde, ampliando assim, o reconhecimento, o cultivo, o consumo e a inserção de novos produtos no mercado a partir destes frutos. Desta forma, a irradiação apresenta o intuito de retardar o amadurecimento de frutas, reduzir microrganismos patogênicos, aumentar a vida de prateleira. Ainda, é necessário estudar se a irradiação é um método que age na conservação dos agentes antioxidantes, atuando na estabilidade dos compostos e preservação das características sensoriais. O objetivo deste trabalho é identificar os compostos bioativos (teores de ácido ascórbico, carotenóides, compostos fenólicos totais, flavonóides e atividade antioxidante) da polpa de uvaia. Será avaliada, ainda, a estabilidade das propriedades bioativas por um período de 42 dias nas polpas tratadas com radiação gama.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)